A Coruña

Para nós, brasileiros, A Coruña é mais conhecida como a cidade do Real Clube Deportivo, time de futebol que contou com a participação de jogadores como Bebeto, Mauro Silva e Djalminha, e uma das 9 equipes vencedoras da liga espanhola, feito conseguido na temporada de 1999/2000.
Situada na Comunidade de Galícia e capital da província homônima, é o segundo maior município da comunidade, somente superado por Vigo. Conta com uma das maiores densidades demográficas do país, com 6.500 hab/km quadrado.
Sua economia baseia-se nas atividades de serviço e no setor secundário, as atividades portuárias e o refino de petróleo.
Imagem

Torre de Hércules

Torre de Hércules

A Coruña é a denominação oficial no idioma gallego, e La Coruña em espanhol, embora se utilize coloquialmente somente a palavra Coruña, comum em ambos idiomas.
Historicamente, existem provas de assentamentos pré-romanos na zona que ocupa a cidade, antigamente povoadas pela tribo autóctona, os ártabros.
Sob dominação romana, foi um porto de considerável importância, a partir do momento que as tropas de Júlio César conquistaram a região em 62 a.c., batizando o local como Brigantium. No séc. II d.C., se construiu a Torre de Hércules, considerado atualmente o farol em funcionamento mais antigo do mundo e declarado Patrimônio da Humanidade.

Abaixo, uma das vistas que se contempla desde o farol.

Imagem

Depois da queda do império, integrou-se ao Reino Visigodo. A invasão árabe da península teve pouca repercussão na região, fazendo parte posteriormente do Reino Cristão de Astúrias. Em época contemporânea, o estatuto da Comunidade de Galícia foi aprovado em 1981, resultando na perda da capitalidade que a cidade mantinha desde 1563, em prol de Santiago de Compostela, fato que marcou a maior manifestação pública da história de A Coruña.
Além de seu  famoso farol, considerado o símbolo da cidade, A Coruña reserva outras gratas surpresas para o visitante.
O Castelo de San Antón localiza-se na zona portuária, e foi construído em 1587 para a defesa da cidade, chegando a repelir um ataque inglês em 1589. A partir do séc. XVIII, converteu-se em prisão e atualmente sedia o Museu Arqueológico e Histórico, desde sua inauguração em 1968.

Imagem

Imagem

Desde o castelo, um lindo panorama, destacando a Torre de Controle Marítimo, um dos prédios mais altos da cidade.

Imagem

No centro histórico, duas igrejas de origem Românica embelezam a paisagem.
A Colegiata de Santa Maria pertence a finais do séc. XII e princípios do XIII.
Imagem

Imagem

O templo dedicado a Santiago, do mesmo período que a anterior, relembra que a cidade faz parte do chamado Caminho Inglês, um dos vários que compõem a rota à Santiago de Compostela.

Imagem

Imagem

A Coruña é também conhecida como a “Cidade Cristal”, pelas diversas fachadas de edifícios denominadas de galerias, balcões feito de madeira branca com uma grande superfície de vidro.

Imagem

Na Praça Maria Pita, situa-se o prédio da Prefeitura, construção modernista do séc. XX.

Imagem

Imagem

O Passeio Marítimo é o maior de todo o continente com quase 16km, e nele podemos disfrutar de sua praias, como a de Riazor, em pleno centro urbano e a das Lapas, aos pés da Torre de Hércules.

Imagem

Imagem

Uma boa maneira de percorrer-lo é através do bonde, inaugurado em 1997, ligado ao plano de revitalização da zona.

Imagem

Anúncios

Uma resposta em “A Coruña

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s