Bilbao- Segunda Parte

Continuando nosso passeio por Bilbao, a Catedral dedicada a Santiago se ergue em pleno centro histórico. A cidade foi uma das primeiras em adota-lo como padroeiro.
O templo é a sede da diocese da cidade e foi levantada no final do séc. XIV, sendo incluída, portanto, no estilo gótico final.
O interior possui 3 naves, cuja parte superior está marcada pela presença do elemento construtivo denominado trifório, característico das Igrejas de Peregrinação.
Imagem

Na próxima foto, o órgao da Catedral.

Órgao da Catedral

O teto está coberto por bóvedas de crucería, típicas do gótico.
No exterior, tanto a fachada quanto a torre foram reformadas no séc. XIX, no estilo neogótico.
Fachada da Catedral

Durante a Semana Santa, Bilbao recebe muitos visitantes, atraídos pela vasta oferta cultural e pelas numerosas procissões que saem às ruas, misturando música e devoção popular.

Semana Santa em Bilbao

Semana Santa em Bilbao

Uma das imagens mais veneradas pelos bilbaínos é a de N.Sra. de Bergoña, em cuja Basílica está depositada aquela que é considerada a padroeira de Vizcaya. A construção é do séc. XVI.
Basílica de N. Sra. de Bergoña

Imagem

Situada na parte mais alta de Bilbao, uma das melhores maneiras de chegar à Basílica é subindo pela calçada de Mallona, em uma agradável caminhada, que também ajuda a aprimorar a forma física.

Calçada de Mallona

No post anterior, comentamos sobre a via fluvial conhecida como Ria de Bilbao. Abaixo, vemos mais uma foto da Ria e, no lado direito, observamos um das obras fundamentais do processo de reurbanização da cidade, o Edifício Isozaki, localizado em uma de suas margens.
Edifício Isozakí

A Igreja de San Nicolas pertence à época barroca (1756).

Imagem

Nos finais de semana, uma boa pedida é acudir à Plaza Nueva e curtir uma ambiente repleto de música, colecionistas variados, atesanato, etc.
Construída em 1849 no estilo neoclássico, em sua parte central sedia a Academia do Idioma Vasco.

Imagem

Para os interessados em aprender o Euskera, como é conhecido o Idioma Vasco, preparem-se para a dificuldade do objetivo proposto. De qualque maneira, podemos ajudá-los inicialmente utilizando a velha e boa estratégia da Pedra de Roseta. Num dos monumentos da cidade, existe uma inscriçao no idioma vasco seguido de sua traduçao ao espanhol. Para facilitar ainda mais sua vida, transcrevo depois da foto sua traduçao em português.

Imagem

” O aumento do imposto sobre o sal provocou uma revolta que finalizou com a execuçao dos líderes neste local. “

De estilo gótico e levantada em 1433, a Igreja de San Antón é uma das mais antigas e em seu interior a luminosidade proporcionada por suas janelas é digna de exaltação.
A Torre campanário é barroca do séc. XVIII.
Imagem

Imagem

Nos despedimos de Bilbao pela estação ferroviária de Abando, que comunica com as demais cidades espanholas, com a certeza de ter conhecido uma cidade que não cansa de surpreender-nos.

Imagem

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s