Olite – Navarra

Antes de chegar à cidade de Olite, situada na Comunidade de Navarra, é possível avistar, esbelta e harmoniosa, a silueta do Palácio Real, que domina a paisagem deste pequeno povoado, localizado a 47km de Pamplona. Declarado Monumento Nacional em 1925, constitui o exemplo mais importante do gótico civil na comunidade.

olite4olite7

O Palácio Real foi construído durante o reinado de Carlos III “El Noble” (1387/1425) e é um dos emblemas mais representativos do velho Reino de Navarra. Trata-se de um complexo conjunto irregular de torres, estâncias, galerias, pátios e jardins, que lhe conferem um aspecto majestoso. No próprio edifício faleceram a rainha esposa de Carlos III em 1415, Leonor, e dez anos depois o próprio rei. Posteriormente, serviu como residência real de vários monarcas em suas visitas à cidade.

olite8olite5

Apesar de que muitos se referem a ele como castelo, o correto seria catalogá-lo como palácio, pois é uma construção de caráter cortesano, onde os aspectos residenciais prevalecem sobre os militares.

Um de seus principais encantos é a aparente desordem de seu desenho, pois seu resultado final é conseqüência das contínuas reformas e ampliações sucedidas ao longo dos séculos. Em sua época, foi celebrado como um dos mais belos palácios de Europa.

olite6olite9

Depois da invasão do Reino de Navarra pelos castelhanos no séc. XVI, o estado de abandono resultante fez com que fosse deteriorando-se progressivamente. Este processo culminou com o incêndio ordenado pelo comandante Espoz y Mina durante a Guerra de Independência Espanhola, ante o temor de que se apoderasse do palácio as tropas francesas. Seu excelente estado de conservação é fruto das restaurações efetuadas a princípios do séc. XX.

olite10

Adossada ao palácio, encontramos a Igreja de Santa Maria La Real, cuja construção foi iniciada no primeiro terço do séc. XIII e finalizada em 1300. O templo foi usado pelos monarcas navarros em grandes festividades e atos solenes. Sua fachada representa um dos conjuntos mais importantes da escultura gótica de Navarra.

olite2olite3

No tímpano, a cena está presidida pela Virgem com o menino Jesus no centro, e estão representados a Anunciação, o nascimento de Cristo, a matança dos inocentes, a Fuga ao Egito, a apresentação de Jesus no templo e o batismo de Cristo. A decoração escultórica pertence ao séc. XV.

olite1

Porém, a igreja mais antiga da cidade é a de San Pedro, construída no final do séc. XII. Originalmente pertencente ao estilo românico, foi ampliada em épocas gótica e barroca.

olite11

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s