O Castelo de Molina de Aragón

Os castelos constituem uma poderosa imagem do inconsciente coletivo associada à Idade Média. Este período histórico compreendeu mil anos, desde seu início com a queda do Império Romano no séc. V dC até o descobrimento da América em 1492 ou a queda do Império Bizantino um ano depois. No séc. XV, portanto. Está dividida em Alta Idade Média (do séc. V ao X) e Baixa Idade Média (do XI ao XV). O conceito preconcebido de uma época obscura, tenebrosa, onde o homem foi julgado por seus preconceitos e atrasos técnicos há muito deixou de ser utilizado pelos historiadores e medievalistas em particular. Atualmente, a consideram como uma etapa crucial da história da humanidade, plena de desafios e realizações. Guerras e superstições a povoaram, é certo, mas mesmo com o notável progresso técnico surgido depois da Revolução Industrial, o homem não se livrou delas. Inclusive foi capaz, há um pouco mais de 70 anos, de infligir a maior matança generalizada da história. Parece que o “Animal Homem” independe de sua cronologia histórica, esperando apenas o momento oportuno para manifestar-se, com consequências cada vez mais desastrosas. Por isso, a visão de um Castelo provoca uma infinidade de sensações, uma combinação de mistério, grandeza, poder, arrebatamento, etc, etc. Mesmo depois de 7 anos vivendo na Espanha, não me deixa , absolutamente, indiferente em contemplá-los. E não foi diferente com o Castelo de Molina de Aragón.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOriginalmente, o castelo que vemos foi uma fortaleza árabe, construída durante os séculos X e XI, e habitado por Abengalbón, senhor da localidade e amigo pessoal de El Cid, como nos relata o Cantar de Mío Cid, acolhendo Rodrigo Díaz de Vivar  quando partiu de Castilla em direçao à Valencia.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAEdificado com objetivo defensivo e residencial, depois da cidade ser reconquistada no séc. XII, transformou-se na fortaleza dos senhores cristãos.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO castelo foi ampliado e sua construção foi finalizada por D.Blanca de Molina. Seus robustos muros possuem vários metros de grossura e contava com 8 torres, das quais se conservam a metade.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA denominada Torre do Relógio é uma delas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA Torre de Aragón encontra-se atualmente isolada da fortificação, e atuava como uma importante estrutura de vigilância.

OLYMPUS DIGITAL CAMERADevido à sua posição geográfica, no limite da fronteira entre os antigos Reinos de Castilla e Aragón, o castelo presenciou inúmeras batalhas, tanto na Idade Média, quanto na Guerra de Independência, travada contra os franceses no séc. XIX.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANo século XIX foi convertido em quartel militar. Desta época podemos ver um antigo banheiro…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO Castelo de Molina de Aragón é considerado uma das maiores fortalezas de toda a Comunidade de Castilla-La Mancha, e um dos maiores atrativos desta cidade, repletas de surpresas e locais interessantes.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s