Belas Praças de Espanha – Parte 5

Neste último post sobre as mais Belas Praças de Espanha, veremos outros exemplares relevantes do urbanismo espanhol, bem como seu processo de formação. Didaticamente falando, se pode classificar as Praças Maiores, no que se refere ao seu aspecto construtivo, em dois tipos. Nas denominadas Programadas, a construção responde a um projeto concreto e predeterminado e, portanto, possuem um formato regular. Nos posts anteriores, vimos algumas delas, como as Praças de Bilbao, Madrid, etc. Podemos citar outras com estas características, como a Praça Maior de San Sebastian (País Vasco).

DSC03640Construída no séc. XIX, foi utilizada num princípio como local para a celebração de Corridas de Touros, e se conhece também como o nome de Praça da Constituição. Também edificada no séc. XIX e de perímetro regular e porticado é a Praça Maior de Palma de Mallorca.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA praça foi construída no local onde antes ocupava um convento, sede do Tribunal da Inquisição na ilha (até 1823).

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOutro tipo de Praça Maior são as denominadas Espontâneas, cuja evolução se adapta às necessidades dos habitantes do lugar, resultando num formato irregular. Um exemplo é a Praça Maior de Burgos, de aspecto poligonal.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAPor ela entravam as mercadorias que abasteciam a cidade, pela Porta das Carretas. Abaixo, vemos a Casa Consistorial.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA maior parte das praças possuem um formato retangular, mas existem também as quadradas, poligonais, circulares, etc. Um elemento que propicia homogeneidade e unificação aos edifícios são as galerias, como vimos nas praças de Palma de Mallorca e San Sebastian. Em relação à localização, são abundantes nas comunidades castelhanas. Por outro lado, são raras em Andalucia, pois o traçado árabe de seu urbanismo favoreceu o surgimento de numerosas e pequenas praças. A seguir, observamos mais alguns exemplos de Praça Maior, como a de Medina del Campo (Castilla y León).

OLYMPUS DIGITAL CAMERAConsiderada uma das maiores do país, foi construída no lugar de uma anterior que incendiou-se em 1520. O espaço que a delimita possui formato irregular, com galerias e presidida pela Colegiata de San Antolín (séc. XVI).

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA Praça Maior de Plasencia (Extremadura) funciona ainda hoje como mercado, e dela saem sete ruas, uma para cada porta da antiga muralha.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAUm dos destaques desta praça é o edifício da prefeitura (séc. XVI), coroado por uma simpática figura chamada Abuelo Mayorga, responsável por tocar o sino em horas determinadas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERADo séc. XVIII é a Praça Maior de Ávila, conhecida também pelo nome de Praça do Mercado Chico, edificada sobre uma anterior que encontrava-se em ruínas.

DSC00204Espero que vocês tenham gostado desta série de posts sobre as Belas Praças de Espanha, feita para valorizar ainda mais estes emblemáticos lugares da Arquitetura Urbana do país.