Fontes Históricas de Madrid

Fui sobre água edificada. Mis muros de fuego son. Esta es mi insignia y blasón. ” Esta lendária frase é uma referência às origens de Madrid, cujo primeiro verso se pode ler num dos muros da central Plaza de la Puerta Cerrada.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA água sempre esteve estreitamente vinculada à história de Madrid, mesmo porque a origem árabe de seu nome, Mayrit, significa “local onde as águas sao abundantes”. No séc. IX, muitos riachos descendiam pelo barranco natural onde se situava o antigo Alcázar, em direçao ao Rio Manzanares. Os “muros de fuego” da frase citada acima se referem às antigas muralhas árabes, cujas pedras expeliam faíscas, quando os inimigos lançavam flechas pela noite…

Com o crescimento urbano,  muitos destes pequenos cursos de água foram desaparecendo. O intenso aumento populacional verificado a partir de 1561, quando Felipe II instala a corte em Madrid, fez com que fossem criadas medidas para o abstecimento de água para a capital do reino. Para tanto, a cidade contava com o Rio Manzanares, que nao se destaca especialmente por seu volume de água. A localizaçao da cidade, a 70m de altura de seu principal curso fluvial, dificultava ainda mais o abstecimento do indispensável líquido à populaçao.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANo entanto, Madrid contava com um precioso potencial hídrico subterrâneo. Um destes cursos fluviais é o Abroñigal, um afluente do Manzanares, que antigamente fluía sob o atual Paseo da Castelhana. Atualmente, o rio passa debaixo da M-30, uma extensa artéria viária que atravessa a cidade. Para que essa água fosse acessível, numerosas fontes foram construídas, utilizando-se uma primitiva rede de canais construída pelos árabes.

DSC07974As fontes sempre tiveram uma dupla funçao, utilitária e ornamental. Atualmente, Madrid é uma cidade cuja beleza é enaltecida por suas inúmeras fontes. Algumas delas caracterizam-se por sua simplicidade, como a que vemos no centro da Porta do Sol.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOutras, porém sao verdadeiras obras de arte, realizadas pelos melhores artistas da época. As fontes decoram suas praças, parques e jardins. Nao podia faltar uma fonte que homenageasse o próprio elemento líquido. Em plena Praça de Espanha, situa-se a fonte do “Nascimento da Água”. Feita de granito e bronze, está formada por duas ninfas com seus cântaros, por onde jorram a água, e que representam sua força vivificadora.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAAlgumas delas nem foram batizadas, mas embelezam ainda mais um espaço por si só digno de sua presença.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA As primeiras fontes se alimentavam de um riacho correspondente e sua funçao primordial de fornecimento de água existiu até 1851, quando foi criado o Canal de Isabel II, um enorme projeto construtivo que unificou o abastecimento de água nao só na capital, como em toda a Comunidade de Madrid, até hoje em vigor.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAbaixo, vemos as casa históricas onde situam-se os depósitos de água, cujo entorno foi transformado num parque público.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEsta área de ócio conta, evidentemente, com uma colorida fonte.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO sonho de construir-se uma rede de canais aproveitando as águas do Rio Lozoya era antiga, e sua realizaçao só foi possível graças aos esforços do político Bravo Murillo e a construçao do Canal de Isabel II. A ele foi dedicada uma das avenidas mais extensas da capital, bem como um monumento comemorativo, situado em frente ao canal.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA partir de hoje, conheceremos  as Fontes Históricas de Madrid numa série de posts a elas dedicadas. Espero que vocês desfrutem da arte, monumentalidade, riqueza histórica e mitológica, além da poesia que emana destes belos e indispensáveis monumentos da arquitetura urbana de Madrid.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s