Toledo Romana

A riqueza histórica e monumental de Toledo (Comunidade de Castilla-La Mancha) é deveras impressionante. Ultimamente, estive na cidade várias vezes, e ainda sim existem muitos lugares que desconheço. Frequentemente sao descobertos restos arqueológicos de seu passado remoto. Conhecer sua história é, de certa forma, compreender o próprio desenvolvimento histórico de Espanha, já que Toledo passou por todas etapas de seu processo: cidade romana, visigoda, árabe e medieval. No post de hoje, conheceremos a Toletum, a cidade sob a dominaçao do Império Romano.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAPovoada desde a Idade de Bronze, entre os séc. IV e III aC já aparece como uma cidade habitada pelos carpetanos, uma das tribos pré-romanas que viveram na Península Ibérica. Em 192 aC, é conquistada pelas legioes romanas e incorporada à Província de Hispania. Seu nome de batismo romano, Toletum, originou o nome pela qual conhecemos, e seu significado se explica por sua peculiar geografia, “lugar situado no alto”, numa colina rodeada pelas águas do Rio Tajo (Rio Tejo, em português).

OLYMPUS DIGITAL CAMERACom a chegada dos romanos, Toledo foi reconstruída e amuralhada, passando a ser considerada uma acrópolis fortificada e um município de grande valor estratégico. O excepcional programa construtivo das calçadas romanas fez com que a cidade se transformasse num importante núcleo que integrava a vía que comunicava Emérita Augusta (atual Mérida) com Caesar Augusta (atual Zaragoza). Abaixo, vemos o Alcázar de Toledo, em sua origem uma construçao romana.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOs achados arqueológicos permitem afirmar que a partir do séc. I dC se produziu uma expansao de seu centro urbano. Haviam duas zonas diferenciadas, a político-administrativa e relligiosa, situada entre as muralhas, e a lúdica, localizada extramuros. O Circo Máximo de Toletum foi construído a finais do séc. I dC. Com 408m de comprimento total, estava composto por dois lados retos e dois curvos, e nele se disputavam as corridas de bigas (carros puxados por dois cavalos) e quadrigas (por quatro cavalos).

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO Circo Máximo possuía uma capacidade para receber até 13 mil espectadores. Funcionou até o séc. IV dC. Seu posterior abandono com a conquista visigoda provocou a desapariçao dos nobres materiais de seu revestimento. Na época árabe, foi utilizado como cemitério.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAJunto a ele, situava-se o Teatro Romano, infelizmente desaparecido. Atualmente, as ruínas do Circo integram o parque conhecido como Campo Escola, pois em seus limites existe uma instituiçao de ensino.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAPara conectar a cidade com outras urbes do império, foi construída a Ponte de Alcántara que, apesar de muito reformada, conserva seu arco central de origem romano.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA antiga ponte romana foi edificada aproximadamente no séc. III dC e destruída pelos árabes e reconstruída no séc. IX dC.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANo Museu de Santa Cruz é possível contemplar restos da antiga Toletum, como esta peça funerária dos séc. III e IV dC. Nela, vemos uma insciçao que representa um epitáfio escrito em latim e dedicado a G.Valerius Pompeianus, por seu filho.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAUma das peças mais impressionantes de todo o museu é o chamado Mosaico das Quatro Estaçoes, do séc. III dC. Se distinguem duas partes decorativas: um quadrado central com distintos temas figurativos (medalhao circular representando o mar com variedades de peixes, moluscos e crustáceos, rodeado de guirnaldas vegetais e geométricas) e um espaço ao redor coberto por motivos geométricos. Nas laterais, aparecem plantas e objetos relacionados às quatro estaçoes.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANo próximo post, publicarei a segunda parte da matéria dedicada à Toledo Romana.

Anúncios

2 respostas em “Toledo Romana

  1. Adoro Toledo. Já fui duas vezes para lá e iria novamente. Acho maravilhosa a catedral de Toledo. Não conhecia este Campo Escola, mas depois deste post quero conhecê-lo. Leio todos os seus posts. Adoro!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s