Luis de Morales

A matéria de hoje está dedicada a uma das mais importantes personalidades artísticas associadas a Badajoz, o pintor Luis de Morales. Considerado um dos grandes pintores do Renascimento Espanhol, foi chamado de “El Divino“, por sua predileção pelos temas sacros e por sua capacidade em expressar sentimentos religiosos.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEm muitos aspectos, sua biografia continua sendo um mistério. Nasceu em 1510 ou 1511 e faleceu provavelmente em 1586 (as contradições podem ser observadas na placa da rua que leva seu nome em Badajoz, onde se diz que faleceu um ano antes…). Se desconhece seu lugar de nascimento, embora em muitas fontes apareça a cidade de Badajoz. O que se sabe com certeza é que viveu e pintou em Extremadura, e durante mais de 50 anos foi o pintor mais ativo e de maior prestígio na região.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAFamoso já em vida, Luis de Morales realizou inúmeros retábulos e quadros de altares para igrejas, tanto para as localidades próximas, como para o país vizinho, Portugal. Sua pintura está relacionada com a arte italiana e a flamenca, mas desenvolveu um estilo próprio. É considerado um pintor maneirista, e como El Greco, também alargava a figura humana, uma das características principais desta corrente da fase final do Renascimento, que anuncia o advento do Barroco. No Museu Provincial de Belas Artes de Badajoz, que vimos no post anterior, podemos contemplar algumas de suas obras.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAParece que Luis de Morales se estabeleceu em Badajoz em 1539, e hoje em dia podemos conhecer a casa onde viveu o pintor durante sua estadia na cidade.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO Museu da Cidade, o principal centro cultural para se conhecer a história de Badajoz, foi batizado com o nome do pintor, cuja fachada vemos abaixo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEm suas diversas salas, o visitante poderá conhecer os períodos históricos e os acontecimentos mais relevantes da cidade, desde a pré-história até os dias atuais.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAO edifício sede do museu é, na realidade, uma casa do século XVI que foi reabilitada com fins culturais. Um dos escassos exemplos de palácio desta época, conserva um belo pátio, típico das casas nobres deste período.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAntes de ter sido transformado em museu, a casa cumpriu várias outras funções, como Convento da Ordem Trinitária, Capitania Geral de Extremadura e Escola de Artes e Ofícios. Alguns objetos presentes no acervo do museu me chamaram a atenção, como uma bandeira francesa capturada pelo exército inglês durante o assédio da cidade pelas tropas de Napoleão.

OLYMPUS DIGITAL CAMERADe época atual, fiquei impressionado com a enchente que varreu a cidade na madrugada do dia 6 de novembro de 1997, quando faleceram 21 pessoas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAtualmente, a obra do pintor Luis de Morales se encontra espalhada por vários museus da Espanha e do mundo. Recentemente, o Museu do Prado realizou uma excelente exposição sobre sua vida e obra. Na Plaza de Espanha de Badajoz, uma escultura homenageia o artista, situada ao lado da catedral e em frente a prefeitura da cidade.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s