Universidade de Alcalá de Henares – Parte 2

O Colégio Maior de San Ildefonso se organizou em torno a três pátios, e todos eles podem ser vistos na excelente visita guiada que se realiza pelas dependências da Universidade de Alcalá de Henares. O primeiro é o Pátio Maior, edificado entre 1657 e 1652. De estilo herreriano, foi construído inteiramente em granito, estando composto por 3 níveis de arcos, os dois primeiros semicirculares (Arco de meio ponto), e o terceiro denominado Arcos Carpaneles (simétricos e um pouco mais rebaixado, proporcionando-lhe uma forma arredondada). Este espaço foi dedicado a Santo Tomás de Villanueva, em memória ao primeiro aluno da universidade que alcançou a santidade.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANa parte superior das galerias de arcos, vemos o escudo de armas do Cardeal Cisneros.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO Pátio dos Filósofos ou dos Contínuos representava uma espécie de distribuidor central dos edifícios universitários, abrigando várias oficinas de serviços e da reitoria, além  de residência para os estudantes.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEm seu perímetro foi construído dois espaços para as cátedras de Filosofia Moral e Natural, daí o seu nome. Restaurado na segunda metade do século XX, nele encontramos a chamada Porta dos Burros, por onde entravam ou saiam os alunos reprovados nos exames da universidade, entre as cruéis piadas de seus companheiros…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERADo Pátio dos Filósofos existe um acesso ao último e mais antigo de todos, o denominado Pátio Trilíngue. Construído entre 1557 e 1570 no estilo renascentista, se conserva praticamente igual.

OLYMPUS DIGITAL CAMERATambém é conhecido como Pátio do Teatro ou do Paraninfo, graças à antiga porta que permitia a entrada principal ao teatro da universidade, que veremos no próximo post.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANele esteve situado o Colégio Menor de San Jerónimo, fundado por uma disposição testamentária do Cardeal Cisneros em 1528, oferecendo cursos de retórica, grego e hebraico para uma comunidade formada por 30 jovens pobres.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERADentro do recinto do Colégio Maior de San Ildefonso podemos observar outro símbolo associado ao Cardeal Cisneros, poços com a representação de cisnes, uma referência ao sobrenome do fundador da universidade.

OLYMPUS DIGITAL CAMERADurante os séculos XVI e XVII, a Universidade Cisneriana se transformou num grande centro de excelência acadêmica. O prestígio de seus cursos, além da fama de seus mestres, logo se tornaram um modelo sobre a qual se constituíram as universidades na América Espanhola. Além do mais, representou o principal foco do Humanismo em toda a Espanha. Em suas classes se formaram missionários e santos como São Ignácio de Loyola, fundador da Companhia de Jesus (ou dos Jesuítas), San Juan de la Cruz, poeta místico e reformador da Ordem dos Carmelitas, junto com Santa Teresa de Ávila, etc. Entre os grandes nomes da literatura, destacam Lope de Vega, Quevedo, somente para citar alguns. Um dos pilares sobre o qual se desenvolveu foi a invenção da imprensa em 1450, fato que possibilitou a publicação da denominada Bíblia Poliglota Complutense. Financiada pelo próprio Cardeal Cisneros, trata-se da primeira edição poliglota de uma bíblia completa da história.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAPara sua realização, Cisneros contratou os melhores teólogos da época, que iniciaram os trabalhos em 1502, sendo finalizada 15 anos mais tarde. Contava com as melhores traduções da bíblia em grego, hebraico e latim, incluídas algumas partes em aramaico. Publicada em 6 volumes, os quatro primeiros estão relacionados ao Antigo Testamento. Cada página está dividida em 3 colunas paralelas, com a Bíblia Hebraica no exterior, a Bíblia Grega no interior, e a Vulgata Latina no meio. O quinto volume apresenta as escrituras gregas do Novo Testamento, dispostas em duas colunas, uma em grego e a outra em latim, além de um dicionário destes dois idiomas. Se considera a primeira publicação do Novo Testamento impresso da história. O sexto volume inclui elementos para o estudo da bíblia, como um dicionário dos idiomas hebraico e aramaico, além de uma gramática hebraica. A Bíblia Poliglota Complutense é considerada um dos testemunhos mais relevantes do Humanismo Cristão do Renascimento. Se publicaram cerca de 600 cópias, das quais se conhece atualmente 123.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s