El Huerto del Cura – Elche

Na cidade de Elche designam-se Huertos a uma parcela de terra cultivada com palmeiras. Cada um deles possui um nome, relacionado ao seu proprietário. O Huerto del Cura é considerado a “Jóia do Palmeiral” e deve sua denominação ao pároco José Castaño Sánchez, que foi o cura (padre, em português) dono deste terreno até 1918.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAPara poder admirar a exuberância e beleza do Palmeiral de Elche, a visita ao Huerto del Cura é essencial. Possui 13 mil metros quadrados, e nele vivem cerca de mil palmeiras. Além desta espécie vegetal que deu fama à cidade, crescem no huerto outras espécies típicas do mediterrâneo espanhol, como os limoeiros, laranjeiras, etc.

20160809_123051OLYMPUS DIGITAL CAMERAA história do Palmeiral de Elche está repleta de fatos interessantes, como o protagonizado pelo rei Jaime I de Aragón, que ordenou a proteção do palmeiral ao sentir-se impressionado quando entrou por primeira vez na cidade em 1265. Na realidade, a cidade estava habitada por 90 % de agricultores árabes, e o corte das palmeiras produziria uma revolta civil. De qualquer maneira, a ordenança real representou uma das primeiras leis ecológicas outorgadas na Península Ibérica e por este motivo vemos um monumento em homenagem ao rei aragonês.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA existência do palmeiral, no entanto, sofreu momentos críticos, principalmente a partir do século XX com o desenvolvimento da indústria de calçados, que provocou a diminuição dos trabalhadores especializados no cultivo da palmeira. Como consequência, diminuiu também a área cultivada, e muitos palmeiras foram abandonados. Sua recuperação iniciou-se em 1983, quando passaram a depender do governo da Comunidade Autônoma.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO Huerto del Cura possui um itinerário onde podemos conhecer as principais curiosidades deste terreno que foi declarado Jardim Histórico-Artístico Nacional em 1943. Um pequeno lago, por exemplo, está presidido por uma reprodução da Dama de Elche, escultura ibérica encontrada na cidade em 1897.

20160809_124812OLYMPUS DIGITAL CAMERAAlguns locais do jardim são realmente uma maravilha…

20160809_125256Determinadas palmeiras ostentam um rótulo fixado no tronco indicando que foram dedicadas a personagens ilustres que visitaram o local, como a Rainha Victoria Eugenia em 1912. Abaixo, vemos a palmeira com seu nome.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAPara merecerem esta distinção, estas personalidades tiveram que ter um especial vínculo com a cidade de Elche, com o Huerto del Cura ou então que contribuíram de alguma forma para a evolução da humanidade. Desde 1894, cerca de 50 personalidades foram homenageados com esta honra.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAInquestionavelmente, a mais famosa palmeira de toda a cidade é a denominada Palmeira Imperial, cujo nome se deve à imperatriz austríaca Sissi, esposa do imperador Francisco José I, que visitou o Huerto del Cura em 1894 e ficou maravilhada com sua singularidade. Exemplar único por sua grandiosidade e raridade, está formada por vários braços que cresceram de forma assimétrica a partir do mesmo tronco.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAPossui mais de 8 toneladas de peso e uma idade de 165 anos. Sua particularidade é que depois de completar 50 anos, tornou-se hermafrodita e de seu tronco nasceram os braços que se alimentam da seiva que sai do tronco principal.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO jardim conta com uma excelente coleção de cactus, espécie própria de zonas secas,  que se adaptaram ao terreno.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA casa do cura, bem como sua capela privada, foram preservadas tal como foram construídas em 1900, com exceção do retábulo do altar, de estilo barroco castelhano (século XVIII) colocado pelos atuais proprietários.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERACom este post sobre o Huerto del Cura nos despedimos do Palmeiral de Elche, Patrimônio da Humanidade, e da cidade, em busca de novos e interessantes lugares da Espanha para mostrar a vocês…

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s