Comércios Históricos de Madrid – Parte 5

Além de seus monumentos, praças, igrejas, museus, um dos aspectos que mais me despertaram interesse em Madrid são seus comércios centenários,  grande parte deles espalhados pelo centro histórico. Muitos destes estabelecimentos são familiares, e passaram de geração em geração até os dias atuais. Outros, no entanto, devido ao falecimento do proprietário fundador e do desinteresse  da própria família em prosseguir com o negócio, se tornaram propriedade de outras famílias. Algo unânime em todos eles, é a simpatia com que me receberam, depois de comentar meu interesse sobre sua história, contando detalhes curiosos de sua longa trajetória. A presente matéria constitui a quinta parte desta série de posts, o que demonstra minha curiosidade sobre o tema. As quatro primeiras foram publicadas entre 30/1/2014 e 4/2/2014. A Casa Bartolomé, por exemplo, é uma carnicería (açougue) situada na Calle de la Sal, situada próximo à Plaza Mayor. Nesta rua antigamente havia um depósito para a venda de sal, originando seu nome. O estabelecimento foi fundado em 1837.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANo local podemos encontrar verdadeiras delícias da Gastronomia Espanhola, como os embutidos ibéricos, queijos manchegos (produzidos em Castilla La Mancha), azeite de oliva, jamón, vinhos, e carnes, evidentemente.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOntem mesmo pude conhecer a pastelaria mais antiga da cidade, chamada Pastelería del Pozo (original em espanhol), cujo nome se deve à rua onde se localiza, a Calle del Pozo (Rua do Poço).

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEsta pequena rua possui uma história curiosa que se remonta à época da Guerra da Sucessão Espanhola, no começo do século XVIII. Se conta que uns soldados roubaram várias relíquias do desaparecido Convento de N.Sra de las Victórias (situado nas proximidades), inclusive duas espinhas da Coroa de Cristo. Mais interessados no ouro e nos objetos preciosos, jogaram as espinhas  num poço próximo. Os vizinhos começaram a perceber então que a água, antes escura e de má qualidade, tornou-se clara e apta para beber. Alguns doentes que dela beberam se curaram inexplicavelmente, e o poço ficou famoso por seus supostos poderes curativos. Deste fato se originou o nome da rua. A Pastelería del Pozo foi fundada em 1830, e conserva sua fachada de madeira original, assim como o mobiliário interior.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAEste comércio tornou-se famoso em Madrid pela produção e venda de produtos tipicamente madrilenhos,como os Bartolillos (massas fritas feitas com farinha de trigo) e os Hojaldres (um tipo de pastel, que pode ser doce ou salgado), considerados os mais saborosos da cidade. Provei alguns, e realmente merecem a fama que têm…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAcima vemos  a lâmpada original do século XIX, que ainda conserva os tubos de gás, pois antigamente este era o método de funcionamento da mesma. Um dos funcionários foi extremamente amável, e me convidou para conhecer o andar de cima do estabelecimento, onde se encontra o escritório, e me sugeriu que tirasse uma foto de cima da pastelaria. No lado direito, podemos ver a caixa registradora, também original.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA padaria mais antiga de Madrid situa-se bem próximo à Calle Mayor, na chamada Plaza de Herradores, onde antigamente se reuniam os artesãos dedicados à fabricação de objetos feitos de ferro e outros tipos de metal.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO denominado Museo del Pan Gallego foi fundado em 1735, o que revela a antiguidade do comércio. Quase sempre foi dirigido por padeiros procedentes da Galícia, pois eles eram, junto com os franceses, os únicos que fabricavam pão na cidade.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAlém do pão, fabricam também bolachas, empanadas, tortas, etc. Com a industrialização das padarias, houve uma notória diminuição na qualidade do pão, mas os funcionários não necessitavam abrir a padaria de noite para começar a fabricá-lo para o dia seguinte. Porém, alguns comerciantes reagiram a esta tendência, caso do Pan Gallego, que continua fabricando o pão artesanalmente, com forno à lenha. A consequência é que seus funcionários devem chegar às 3 da madrugada…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAPraticamente ao lado do Museo del Pan Gallego, situa-se outro comércio histórico, a Casa de Fieltros Olleros (original em espanhol).

OLYMPUS DIGITAL CAMERAFundada em 1863, é um comércio de tecidos, especializado na produção de feltros. Como todos os demais estabelecimentos históricos, recebeu uma justa homenagem da Prefeitura de Madrid, com uma placa de bronze que foi colocada no solo, em frente ao comércio, com sua data de fundação, nome, e como forma de agradecimento dos serviços prestados à cidade.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAFinalizamos a matéria com a Bodega Ricla, localizada na Calle de Cuchilleros, onde no passado se reuniam a associação dos fabricantes de cuchillos (facas, em português). Este estabelecimento foi fundado por uma pessoa procedente do povoado de Ricla, situado na Província de Zaragoza, que homenageou o negócio com o nome do pueblo. Fundada em 1867, o espaço interior é pequeno, mas o ambiente relaxado típico das antigas tabernas convida para saborear uma das melhores cervejas da cidade…

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s