Instituto do Patrimônio Cultural da Espanha

Recentemente fiz uma visita guiada num dos edifícios mais interessantes da Cidade Universitária, o Instituto do Patrimônio Cultural da Espanha (IPCE).

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO IPCE pertence ao Ministério da Educação, Cultura e Deporte e se dedica à investigação, conservação, restauração e documentação do patrimônio espanhol. Para que possa realizar estas funções, conta com profissionais das mais variadas áreas, como arqueólogos, arquitetos, restauradores, físicos, geólogos, químicos, bibliotecários, etc.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO edifício do instituto se insere dentro da corrente arquitetônica denominada Brutalismo, cujo auge se deu entre as décadas de 50 e 70 do século XX. Seus princípios se inspiraram nos trabalhos do influente arquiteto suíço Le Corbusier (1887/1965) e do finlanês Eero Saarinen (1910/1961). De fato, o edifício impressiona por sua singular composição circular, rematado por pináculos que lhe concederam o apelido de “Coroa de Espinhos“.

20161212_115527No Brutalismo, as estruturas geométricas se repetem, a base de concreto, embora o emprego deste material não seja  exclusivo. Sua idéia principal é expressar os materiais utilizados em sua forma bruta. Se durante décadas o Brutalismo esteve marginalizado, atualmente volta a estar de moda.

20161212_120107O edifício suscitou, desde que foi construído por Fernando Higueras e Antonio Miró Valverde, grande interesse nos arquitetos de muitos países. Em 1975, um pouco antes de ser finalizado, foi catalogado como um dos 24 edifícios de maior relevância de Madrid no Congresso Internacional de Arquitetos. Atualmente, o edifício está protegido por ter recebido a distinção de Bem de Interesse Cultural e seu projeto recebeu o Prêmio Nacional de Arquitetura.

OLYMPUS DIGITAL CAMERASua construção constituiu um dos processos mais longos e complicados da segunda metade do século XX em toda a Espanha. O projeto inicial foi realizado por Fernando Higueras em 1961, e contou com a colaboração do jovem Rafael Moneo. Por uma série de fatores, a construção tardou 30 anos, estando abandonado durante 16 anos. Além do mais, suas funções foram modificadas em 13 ocasiões.

20161212_114842O interior do edifício destaca-se por sua amplitude e luminosidade natural, propiciada por uma grande estrutura de vidro.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAAs vigas pré-fabricadas foram criadas por uma grande variedade de elementos geométricos, como hexágonos, quadrados e octógonos, cuja estrutura se refletem na decoração de seus pavimentos.

20161212_115424OLYMPUS DIGITAL CAMERAOs jardins interiores colaboram para a atmosfera de suavidade e tranquilidade que se experimenta dentro do edifício.

20161212_114908Para os interessados no patrimônio histórico, artístico e cultural da Espanha, o IPCE é o local ideal para seu aprofundamento, pois conta com uma excepcional biblioteca de planta circular composta por mais de 40 mil livros sobre o tema.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANa entrada do edifício, vemos uma pequena panorâmica da Cidade Universitária de Madrid, cuja matéria finalizo com este post…

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s