Mesquita-Catedral de Córdoba

Existem monumentos no mundo que devem ser visto ao menos uma vez na vida.Um dos  mais impressionantes de toda a Espanha, a Mesquita-Catedral de Córdoba ergue-se em pleno Centro Histórico da cidade, bem próxima à Ponte Romana e ao Rio Guadalquivir.

OLYMPUS DIGITAL CAMERADefinitivamente, as palavras e imagens são insuficientes para refletir a monumentalidade e beleza deste templo sagrado maravilhoso. Considerada o exemplo mais importante da Arte Islâmica no Ocidente, tanto por suas inovações técnicas e estéticas, quanto por sua influência na História da Arte, foi declarada Monumento Nacional em 1882 e Patrimônio da Humanidade em 1984. Em 2014, foi qualificada como Bem de Valor Universal Excepcional, reconhecendo que o uso religioso através dos séculos assegurou sua conservação.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA A primeira mesquita, como local fundamental de oração dos fiéis muçulmanos, foi a Mesquita de Medina (Arábia Saudita), construída pelo próprio Profeta Maomé em 622 dC. Depois apareceram a Mesquita de kufa (Iraque) no ano de 638 dC e a Mesquita de Amr (Egito) em 642 dC. A dinastia dos Omeya, introdutores da Arquitetura Islâmica, levantaram a Cúpula da Rocha em Jerusalém a partir de 684 dC. Do século VIII, destaca, entre outras, a Mesquita de Damasco, edificada em 707 dC.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA Mesquita-Catedral de Córdoba constitui um claro exemplo dos diferentes períodos históricos da cidade, inicialmente como mesquita e posteriormente como catedral. Por este motivo, nela encontramos elementos de ambas tradições, em sua arquitetura e também nos elementos artísticos.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA Mesquita de Córdoba foi construída sobre a Basílica Visigoda de San Vicente, cuja construção se remonta ao século VI dC. Com a chegada dos muçulmanos no início do século VIII, o templo foi dividido com os cristãos, e seu uso como templo religioso foi compartido por ambas culturas durante um certo tempo. No subsolo da mesquita foram descobertos restos arqueológicos do primitivo templo visigodo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERADevido ao aumento populacional da Córdoba Muçulmana, o espaço tornou-se insuficiente e o Emir Abderramán I adquiriu a outra metade. Entre 784 e 786 dC, ordenou a construção de uma mesquita, compensando muito bem economicamente a comunidade cristã, permitindo que se construísse novas igrejas pela cidade.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAs obras foram realizadas num tempo recorde, graças a utilização de materiais pré-existentes da anterior basílica e a grande quantidade de elementos construtivos como colunas e capitéis originários de antigas construções romanas e visigodas. Foi inspiradas nas mesquitas sírias, mas suas inovações a transformaram no modelo a ser imitado durante séculos.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA mesquita foi finalizada pelo filho de Abderramán I, Hishan II, em 793 dC, mas foi ampliada nos dois séculos subsequentes, até alcançar as enormes dimensões que podemos contemplar atualmente.  Uma das heranças do mundo visigodo transformou-se num dos elementos emblemáticos da Arquitetura Islâmica, o denominado Arco de Ferradura, que vemos por todo o interior e exterior do edifício.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA mesquita está formada por 12 portas exteriores, compreendendo um espaço de cerca de 22.400 metros. Apresentam os típicos elementos da Arquitetura Islâmica, sendo que algumas foram restauradas no século XX, como a que vemos a seguir. Os elementos geométricos constituem metáforas da eternidade…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAbaixo, vemos a Porta do Perdão, construída a partir de 1377 no estilo mudéjar, combinando a tradiçao islâmica com a católica e decorada com pinturas de Antonio Castillo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAUma das partes mais famosas da Mesquita-Catedral de Córdoba é o Patio de los Naranjos (Pátio das Laranjeiras), assim denominada pela presença destas árvores frutíferas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA Se denomina Pátio das Laranjeiras porque os cristãos, logo depois de reconquistaram a cidade no século XIII, plantaram várias destas árvores no local, onde originalmente existiam outras espécies, como palmeras e oliveiras. Considerado como um elemento fundamental em toda mesquita, no pátio se realizavam os rituais de limpeza ritual ou purificação, que precedem as orações, em suas várias fontes de água.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAEste imenso pátio ficou delimitado por galerias cobertas, como ocorre na maioria das mesquitas do mundo. Sua configuração atual data do século XVI.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANo próximo post, veremos o interior da Mesquita de Córdoba, realmente impressionante…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s