Parque Grande – Zaragoza

Zaragoza é uma das cidades pela qual sinto mais carinho, porque nela vivi 4 anos e principalmente pelas grandes amizades que fiz na capital da Comunidade de Aragón. Recentemente, passei dois dias na cidade dos maños (como são carinhosamente conhecidos seus habitantes), revendo meus queridos amigos e passeando um pouco, visitando locais que não havia conhecido e retornando a outros lugares emblemáticos, como seu principal parque urbano, popularmente conhecido como Parque Grande.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEste belo parque foi inaugurado em 1929 por Miguel Primo de Rivera (1870/1930), militar que governou o país como ditador entre 1923 e 1930. Durante 81 anos, oficialmente o parque se denominou Parque Primo de Rivera, mas em 2010 foi rebatizado como Parque José Antonio Labordeta, em homenagem ao cantor e compositor, escritor, além de político aragonês, falecido neste ano.

20181113_153531O Parque Grande é considerado a área verde mais importante de Zaragoza, com mais de 400 mil metros quadrados, e um local perfeito para contemplar a natureza e interessantes monumentos.

20181113_15192220181113_152624Quando foi construído, o parque situava-se fora do núcleo urbano, mas com o crescimento da cidade atualmente se encontra incorporado ao Distrito da Universidade de Zaragoza, e bem próximo ao Estádio de la Romareda, sede do Real Zaragoza, um time histórico do futebol espanhol. Caminhar pelo parque oferece momentos de grande prazer o ano todo, principalmente na primavera e no outono, quando as flores e o colorido das árvores transformam sua fisionomia.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA20181113_15222420181113_152442O parque acolhe espaços de grande importância, como o Museu de Etnologia e o Jardim Botânico, cuja origem se remonta a 1796.

20181113_152739A primeira fonte construída na cidade (1845), chamada Fonte da Princesa, também se encontra no interior do parque…

20181113_153315Em sua parte mais elevada foi colocada uma estátua em homenagem ao Rei Alfonso I “El Batallador”, para comemorar o oitavo centenário da reconquista da cidade, e inaugurada em 1925.

20181113_152139OLYMPUS DIGITAL CAMERAPara admirar a escultura e as magníficas vistas que esta parte do parque oferece (primeira foto da matéria), basta subir a bela escada monumental decorada com uma fonte…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO acesso principal ao parque é feito através da Ponte dos Cantautores, como são designados, na Espanha, os artistas que escrevem, compõem e cantam suas próprias músicas, normalmente de caráter social e político, caso de José Antonio Labordeta.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

1 comentário Adicione o seu

  1. Ana Monteiro disse:

    Que parque lindo, infelizmente não conheci quando estive em Zaragoza por desconhecimento mesmo e talvez por ficar fora do centro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s