Espanha: Patrimônios da Humanidade (Parte 4)

Continuando a matéria sobre os Patrimônios da Humanidade da Espanha, hoje veremos outros lugares que fazem parte da lista situados em duas Comunidades Autônomas do país, Extremadura e Galícia. A Comunidade de Extremadura, situada na região oeste do país, fronteira com Portugal, possui 3 lugares declarados P.H. Sua capital, Mérida, está situada na Província de…

Espanha: Patrimônios da Humanidade (Parte 3)

A Catalunha é uma Comunidade Autônoma situada na região nordeste da Espanha. Faz fronteira ao norte com a França e está banhada pelo Mar Mediterrâneo. Possui 4 Províncias: Barcelona, Tarragona, Girona e Lérida. Em sua capital e maior cidade, Barcelona, o Estilo Modernista, que se desenvolveu a finais do século XIX e princípio do XX,…

Espanha: Patrimônios da Humanidade – Parte 2

A lista dos lugares declarados Patrimônios da Humanidade pela Unesco foi criada em 1972, durante a Convenção para a Proteção do Patrimônio Cultural e Natural a nível mundial. Se estabeleceram lugares de valor universal excepcional com a finalidade de preservá-los para as gerações futuras e atualmente conta com 1073 locais que receberam esta distinção, espalhados…

Espanha – Patrimônios da Humanidade

A Espanha é um dos países mais visitados do mundo, graças ao seu ambiente festivo, sua gastronomia de renome mundial e seu impressionante patrimônio histórico e artístico. Em 2017, recebeu 82 milhões de turistas, somente superado no mundo pelo país vizinho, a França, que acolheu a 87 milhões de visitantes. Muitos dos lugares mais emblemáticos…

Centro de História de Zaragoza

No post de hoje veremos um local que foi transformado em um importante Centro Cultural, depois que perdeu suas funções religiosas originais. O Centro de História de Zaragoza situa-se no antigo Convento de San Agustín, sendo considerado uma das instituições culturais mais ativas da cidade. O Convento de San Agustín foi fundado no século XIII…

Parque Grande – Zaragoza

Zaragoza é uma das cidades pela qual sinto mais carinho, porque nela vivi 4 anos e principalmente pelas grandes amizades que fiz na capital da Comunidade de Aragón. Recentemente, passei dois dias na cidade dos maños (como são carinhosamente conhecidos seus habitantes), revendo meus queridos amigos e passeando um pouco, visitando locais que não havia…