O Toureiro

Depois de publicar uma matéria sobre os touros de lidia, chegou a hora do outro participante imprescindível de uma tourada, o Toureiro. Para aprender o ofício de torear, os aspirantes devem ingressar numa Escola de Tauromaquia, local onde se obtém o diploma e também o grau de doutorado (também existente no mundo dos touros). Este título se consegue com muito esforço e dedicação, sendo que o toureiro deve ser capaz de combinar a técnica com a arte, algo que nao se aprende, pois o talento é inato e fundamental para que o toureiro se destaque.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA origem destas escolas é antiga, estando relacionada com os matadouros municipais, como o velho matadouro de San Bernardo de Sevilha, que se converteu num local de aprendizagem para os futuros toureiros. Foi também em Sevilha que o Rei Fernando VII criou a primeira Escola de Tauromaquia, com o curioso nome de “Gimnasio de Tauromaquia“, em 1830. Esta primitiva escola teve uma vida efêmera, pois foi clausurada depois do falecimento do monarca, em 1834. A escola de Madrid “Marcial Lalanda“, situada na Casa de Campo, favoreceu a criação de outras escolas pela Espanha e no exterior, contribuindo para a elaboração dos regulamentos que regem a festa taurina. Outra escola de importância é a Escola de Tauromaquia de Ronda, belíssima cidade da Andaluzia e considerada o “Berço do Toreo Moderno“. Abaixo, vemos uma foto da Plaza de Toros de Ronda

20150923_115451Outro aspecto fundamental do mundo dos touros é a roupa tradicional utilizada pelos toureiros. Feita de seda, caracterizam-se pelos adornos de ouro e prata que a embelezam. O conjunto da vestimenta do toureiro denomina-se “Vestido de Torear“, também chamado de “Traje de Luzes“, pelo colorido e brilho de seus elementos decorativos.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAlgumas das partes que compoem o vestido: a “Taleguilla” constitui uma peça fundamental, uma calça muito ajustada que vai da cintura até a metade da panturrilha. As camisas são sempre brancas e as meias, de cor rosa, invariavelmente. O “Chaleco” é a peça que vai sobre a camisa, curto e com muitos bordados.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAs “Zapatillas” ou o sapato de toureiro, devem ser negros com sola antideslizante. O tradicional chapéu negro utilizado pelos toureiros denomina-se “Montera“, possuindo um grande significado na comunicação do toureiro com o público e as autoridades presentes no espetáculo taurino. A peça mais luxuosa é o denominado “Capote de Paseo“, normalmente bordado com seda e ouro e geralmente decorado com motivos religiosos de devoção do toureiro matador.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO “Vestido de Torear” deve ser, em seu conjunto, cômodo, funcional e elegante. A espada, ligeiramente curva, utilizada pelo toureiro  para matar o touro denomina-se “Estoque“.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAUm meio tradicional para a divulgação das touradas, os chamados “Cartazes Publicitários” constituem, muitas vezes, verdadeiras obras de arte, realizados por artistas famosos da Espanha.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEstes cartazes possuem uma função essencialmente informativa, com o local onde a tourada será realizada, a data e hora, além do nome dos toureiros participantes. Um “Bom Cartaz” indica que os toureiros participantes gozam de um grande prestígio.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOs cartazes antigos também são uma interessante fonte histórica, pois muitas vezes podemos observar as mudanças históricas ocorridas numa determinada cidade. Abaixo, vemos o cartaz da inauguração da Plaza de Toros de Las Ventas de Madrid, em 1931.

IMG_3458Finalizo a matéria com outros cartazes que se exibem no Museu Taurino de Ronda….

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s