As Corridas de Touros

Depois de publicar matérias sobre os personagens principais de uma tourada, o touro e o toureiro, no post de hoje comentaremos sobre o espetáculo em si, sua organização e demais participantes. A Tourada ou Corrida de Touros é um dos espetáculos taurinos existentes, um evento que consiste em “lidiar” touros bravos, a pé ou a cavalo, num recinto fechado construído para tal finalidade, a Plaza de Toros.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAComo espetáculo moderno realizado à pé, suas normas foram fixadas no século XVIII na Espanha, sendo que a tourada finaliza com a morte do touro. Também é praticada, devido a influência espanhola, em países sul-americanos como México, Colômbia, Equador, Peru e Venezuela. Na Europa, além da Espanha, se realizam touradas em Portugal (onde geralmente não se mata o touro) e no sul da França, com  destaque para  a cidade de Arles, onde se organizam touradas no antigo anfiteatro romano.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAs Corridas de Touros se classificam segundo a idade dos touros em “Becerradas“, “Novilladas” e as touradas propriamente ditas. Durante o espetáculo participam diversas pessoas com incumbências definidas, que seguem um rígido protocolo tradicional. O Toureiro é também conhecido como diestro, matador ou espada, e realiza a parte principal da tourada matando o touro com seu “estoque“. Geralmente, num evento taurino se “lidiam” 6 touros (quase sempre da mesma ganadería) por parte de 3 matadores.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAUma tourada é gerenciada pelo Presidente, geralmente um representante municipal e nomeado pela máxima autoridade civil da província onde se realiza o espetáculo. Conta com assessores que normalmente são um toureiro já retirado e uma pessoa do setor veterinário, também aposentado. Sua função principal é velar pelo regulamento da tourada em todos seus aspectos e manter a ordem dentro do recinto. Ordena o início da tourada e a mudança de tercios (como se conhecem as três partes que compõem uma tourada e que veremos no próximo post), além de conceder prêmios para os matadores (orelha e/ou rabo). Para tanto, conta com um jogo de lenços de cores variadas, através dos quais indica ao público as decisões pertinentes no decorrer da tourada. O público pode expressar aceitação ou desacordo com as decisões que foram tomadas através de palmas e vaias, respectivamente. Para dar início ao espetáculo, o presidente mostra um lenço branco, e começa o desfile de todos os participantes da corrida.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAs pessoas que prestam auxílio ao toureiro matador são conhecidas como subalternos, e o conjunto do toureiro com os subalternos se chama quadrilla. Está composta por pessoas que atuam em determinados momentos da tourada, como os “Picadores“, que montados num cavalo, utilizam uma vara longa com uma parte metálica na ponta denominada “Puya“. Seu objetivo é castigar o touro, provar sua bravura e detectar as características do animal.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOs denominados “Banderilleros” atuam no segundo tercio de uma tourada. Utilizam as “banderillas“, um pau cilíndrico feito de madeira com 70 cm de comprimento e decorados com papéis coloridos. Na ponta se coloca uma espécie de arpão para ser cravado na pele do touro.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANa terceira e definitiva parte de uma tourada, o toureiro matador é auxiliado pelo “Mozo de Espadas“, que colabora diretamente com o toureiro…

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s