Castelos e Fortalezas da Espanha – Parte 2

Os primeiros castelos da Europa datam do século IX, e sua origem se remonta à arquitetura militar da Grécia e de Roma. A partir do ano 1000, as referências de castelos no continente aumenta consideravelmente. Para dar um exemplo, no ano 950, na região de Provença (França), haviam 12 castelos. Em 1030, já existiam mais de 100. No mesmo período na Espanha muitos castelos foram construídos, principalmente nas áreas limítrofes entre as terras ocupadas pelos reinos cristianos e muçulmanos. Normalmente situados nos locais mais elevados de uma zona, inicialmente os castelos exploravam as próprias defesas naturais para sua construção. Abaixo, vemos o Castelo de Frías (Província de Burgos, Comunidade de Castilla y León), que foi edificado num penhasco conhecido como “La Muela“, de grande valor estratégico na luta contra os muçulmanos.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAO Castelo de Almansa (Província de Albacete, Comunidade de Castilla La Mancha) foi erguido no alto de uma formação rochosa conhecida como “Cerro del Águila“…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA presença generalizada de castelos na Europa a partir dos séculos XI e XII reflete a presença constante de guerras, geralmente entre senhores locais. Os castelos feudais proliferaram durante a Idade Média, cumprindo não somente funções militares, como também transformando-se em residências nobres e inclusive propriedades reais, convertendo-se em verdadeiros palácios fortificados.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA seguir, vemos o Castelo de Arévalos (Província de Ávila, Comunidade de Castilla Y León), construído no século XV pelo Duque de Béjar, Don Álvaro de Zuñiga. Posteriormente passou a ser propriedade dos Reis Católicos, e a própria Rainha Isabel La Católica nele viveu durante sua infância.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA presença do senhor no castelo convertia a fortaleza num centro administrativo onde podia gerenciar suas terras. Como um local de grande importância social, nele os senhores feudais demonstravam seu poder.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAInvariavelmente os castelos eram construídos em pontos elevados, para facilitar sua defesa, e próximos aos cursos de água para seu abastecimento. Abaixo,vemos o Pátio de Armas do Castelo de Frías, no qual ainda podemos apreciar a existência de dois Aljibes, uma palavra de origem árabe, que denominam os poços que aproveitavam a própria água da chuva para seu armazenamento.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA seguir vemos uma fortaleza de origem árabe, a Alcazaba de Alicante (Comunidade Valenciana), situada na parte mais alta da cidade, e um poço ou cisterna para o abastecimento de água…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA forma e o “design” dos castelos europeus variam dependendo da região considerada. No início do século XI, o recinto fortificado composto por uma torre constituía o formato típico das fortalezas. Enquanto na Itália, França e Grã-Bretanha se utilizava frequentemente a madeira como material construtivo, na Espanha se utilizava tijolos feitos de barro ou pedras, devido à escassez de madeira. A partir do século XI, a pedra tornou-se o principal material usado na construção dos castelos no país. Abaixo, o Castelo de Berlanga del Duero, localizado na Província de Soria, Comunidade de Castilla y León.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO impressionante Castelo de Peñafiel (Província de Valladolid, Comunidade de Castilla y León), uma das maiores fortificações medievais da Espanha

OLYMPUS DIGITAL CAMERA O Castelo de Molina de Aragón, situado na Província de Guadalajara, Comunidade de Castilla La Mancha….

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO Castelo de Chinchilla de Montearagón (Província de Albacete, Comunidade de Castilla La Mancha), de origem muito antiga, já que foram descobertos restos romanos, visigodos e da ocupação árabe…

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Anúncios