Espanha: Patrimônios da Humanidade – Parte 2

A lista dos lugares declarados Patrimônios da Humanidade pela Unesco foi criada em 1972, durante a Convenção para a Proteção do Patrimônio Cultural e Natural a nível mundial. Se estabeleceram lugares de valor universal excepcional com a finalidade de preservá-los para as gerações futuras e atualmente conta com 1073 locais que receberam esta distinção, espalhados por 167 países. A convenção foi única, porque unia o conceito de preservação da natureza com a conservação dos bens culturais. Na matéria de hoje, veremos mais alguns lugares catalogados P.H. da ampla lista que possui a Espanha. Na Comunidade de Castilla La-Mancha existem duas cidades históricas que fazem parte da lista, Toledo e Cuenca. Toledo é considerada uma das principais cidades monumentais da Espanha, e sua visita é obrigatória numa viagem pelo país. Distante cerca de 80 km de Madrid, é uma das cidades que realizo passeios como guia de turismo, e frequentemente levo meus clientes para que conheçam esta verdadeira maravilha. Foi declarada P.H. em 1986.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAIMG-20150820-WA0001Da mesma forma que Toledo, Cuenca possui um centro histórico incrível e, desde Madrid, a melhor forma de se chegar à cidade castelhana é em trem de alta velocidade (AVE). Sua localização geeográfica é espetacular e uma de suas principais atrações são as denominadas Casas Colgadas (literalmente, casas construídas na beira do precipício). O Centro Histórico de Cuenca é P.H. desde 1996.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA Comunidade Valenciana, situada ao leste da Espanha, possui dois lugares P.H. Na cidade de Valencia, a chamada Lonja de la Seda constitui um excepcional exemplo da arquitetura gótica civil e de sua histórica tradição mercantil. Desde 1996 faz parte da lista dos P.H. da Espanha.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA cidade de Elche foi congratulada graças ao seu incrível Palmeiral, considerado único na Europa (P.H. desde 2000).

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAAs Ilhas Baleares, situadas no Mar Mediterrâneo, é uma das duas comunidades autônomas marítimas que pertencem à Espanha. Este arquipélago está formado por 4 ilhas (Mallorca, Menorca, Ibiza e Formentera). Na Ilha de Mallorca, encontramos a Serra de Tramuntana, declarada P.H. em 2011.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA cidade de Ibiza, por sua diversidade e cultura, recebeu o título em 1999.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAlém de seu importante centro histórico, Ibiza possui lindas praias que a transformam num destino turístico de primeira magnitude, principalmente no verão, quando recebe milhares de turistas, ávidos por suas belas paisagens e festas com música eletrônica.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Anúncios

Puentedey – Província de Burgos

Depois de visitar Orbaneja del Castillo, eu e meu irmão Marcelo continuamos nosso passeio por Las Merindades, em busca de mais lugares curiosos, tão abundantes nesta comarca da Província de Burgos. Fizemos uma parada no povoado de Puentedey, também situado num local cuja paisagem impressiona…

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAAs informações a respeito deste pueblo são escassas. Dentro de seu patrimônio histórico, destaca a Igreja de San Pelayo, de origem românica, como demonstra sua interessante portada esculpida com uma cena deveras interessante.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA Comarca de Las Merindades constitui um verdadeiro paraíso para os adeptos da espeleologia, devido ao excepcional conjunto de formações calcáreas existentes, originando grutas, algumas delas de grande interesse. O povoado de Puentedey foi construído sobre uma espécie de grande ponte natural, situada sobre uma enorme cova.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEsta curiosidade geológica formou-se pela ação erosiva do Rio Nela, que corre através da gruta…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA sensação no interior da gruta, consciente de que o povoado está assentado sobre ela, é intrigante e, ao mesmo tempo, ameaçador…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA

Orbaneja del Castillo – Parte 2

Definitivamente, a mãe natureza foi deveras generosa com o povoado de Orbaneja del Castillo. Além de sua espetacular localização, um pequeno riacho atravessa o pueblo, formando belas cachoeiras que atraem um grande número de visitantes à vila.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAEste riacho nasce no interior de uma gruta, também situada no pueblo, chamada Cueva del Água, e desemboca no Rio Ebro.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAAbaixo, vemos outras fotos de Orbaneja del Castillo, salientando os inumeráveis exemplos de sua arquitetura popular tradicional….

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAComo o povoado situa-se na ladeira da montanha, na medida que subimos suas ruas podemos apreciar o núcleo central do povoado e suas casas…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAbaixo, a praça principal….

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOrbaneja del Castillo ficará para sempre em minha memória por sua incrível beleza e como exemplo de uma Espanha desconhecida para a grande maioria dos espanhóis e dos milhões de turistas que visitam o país anualmente.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA

Orbaneja del Castillo – Província de Burgos

A Província de Burgos, especialmente sua parte norte, conhecida como Las Merindades, constitui uma sucessão de gratas surpresas pela beleza de sua paisagem natural e também pela quantidade de pueblos encantadores existentes, como vocês já devem ter percebido pelas matérias que publiquei até o momento. Nosso próximo destino me deixou literalmente de boca aberta, tamanha a espetacularidade da paisagem e o povoado que nela se localiza, a vila de Orbaneja del Castillo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOrbaneja del Castillo situa-se no meio do Canyon do Rio Ebro, e suas magníficas vistas impressionam a qualquer visitante. De fato, ultimamente este pueblo converteu-se num destino relevante do norte da Província de Burgos, tanto por seu entorno natural, quanto pelo próprio povoado, que conserva sua estrutura medieval.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERASua origem é medieval, e chegou, como seu nome indica, a possuir um castelo, que lamentavelmente não se  conservou. Apesar disso, a vila foi declarada Conjunto Histórico-Artístico em 1993.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO título de vila a Orbaneja del Castillo foi concedido pelos Reis Católicos. As casas feitas de madeira com um balcão em sua fachada exterior refletem a influência da Comunidade da Cantábria, por sua proximidade com o pueblo. Abaixo, vemos imagens de sua maravilhosa paisagem, emoldurada pela ação erosiva do Rio Ebro e caracterizada pelo predomínio de rochas calcáreas, propícias para o aparecimento de grutas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOrbaneja del Castillo possui somente 50 habitantes, mas seu número aumenta com a chegada dos turistas, ansiosos por descubrir suas belezas. Abaixo, vemos a Igreja Paroquial da localidade, cuja torre se destaca no meio da paisagem.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAEntre suas incríveis formações rochosas, uma delas chama a atenção por sua semelhança com o mapa do continente africano…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAApesar de seu reduzido tamanho, a vila possui uma variada oferta gastronômica e pousadas para receber o visitante. Nos dias tranquilos, a vida segue plácida e tranquila para seus habitantes…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOrbaneja del Castillo é um local fascinante. Além do mais, o povoado é atravessado por um riacho que durante sua descida pela ladeira da montanha formam belíssimas cachoeiras, que veremos no próximo e último post.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Tobera – Província de Burgos

Um dos principais destinos de nossa viagem pelo norte da Província de Burgos, zona conhecida como Las Merindades, foi o belíssimo povoado de Frías, considerado um dos mais bonitos da Espanha. Antes, porém, de visitá-la, fizemos uma parada numa localidade chamada Tobera, situada a pouca distância de Frías. A paisagem que se vislumbra é de um intenso bucolismo…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAUma das principais atrações deste local isolado é a Ermita de Santa María de la Hoz, erguida junto a uma grande formação rochosa que lhe confere um aspecto de grande efeito visual. Não se sabe muito a respeito de sua história, apenas que foi construída no século XIII, provavelmente sobre uma anterior construção.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA ermita se insere dentro do estilo românico de transição ao gótico, e nela antigamente se hospedavam os peregrinos que se dirigiam à Santiago de Compostela.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEm frente vemos uma pequena ponte medieval, construída sobre uma anterior de época romana…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEntre a ponte e a Ermita de Santa María se construiu outro pequeno templo, a Ermita do Cristo dos Remédios, de formato quadrado e pertencente ao século XVII.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANossos únicos companheiros neste belo local eram as cabras e bodes, que nos olhavam com indiferença…

OLYMPUS DIGITAL CAMERATobera é também conhecida pelo Rio Molinar, que despenca suas águas em belas cascatas no meio do povoado…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAUma pequena trilha que inicia ao lado das ermitas nos permite aproximar às cachoeiras e contemplar seus espetáculo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA

Oña – Província de Burgos

Depois de visitar Poza de la Sal, fomos ao povoado de Oña, situado a poucos quilômetros de distância. Este pequeno município nos serviu de base para explorar a região de Las Merindades, localizada ao norte da Província de Burgos. Este belo pueblo também foi declarado Conjunto Histórico-Artístico pela importância de seu patrimônio histórico.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAApesar dos restos paleolíticos encontrados, a história da vila se remonta ao século VIII, quando surge como um baluarte fortificado para os cristãos refugiados diante da pressão militar dos muçulmanos do sul do território espanhol. No ano de 950, Fernán González, o primeiro conde do Reino de Castilla, lhe concede seus primeiros privilégios. Seu neto, o Conde Sancho García, eleva a vila ao status de condado, fundando o poderoso Monastério de San Salvador, que veremos na próxima matéria.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOs privilégios concedidos pelo Rei Alfonso VIII contribuíram significamente para seu desenvolvimento e o assentamento de uma importante comunidade judaica. Abaixo, vemos a Plaza del Ayuntamiento, onde encontramos o Edifício da Prefeitura e a Igreja de San Juan, construída entre os séculos XII e XVI.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANa fachada da prefeitura foi colocada uma faixa contra os recortes destinados à saúde (com a saúde não se brinca…). Ao lado, vemos a românica Torre de San Juan, que pode ser visitada, pois alberga um pequeno museu relacionado à história de Oña.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA portada principal da igreja foi construída já no período gótico

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOña desempenhou um importante papel na criação do antigo Reino de Castilla, através de seu monastério. Abaixo, vemos uma das praças da cidade, com uma antiga e bela fonte no centro.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO povoado possui um albergue municipal destinado aos visitantes…

OLYMPUS DIGITAL CAMERATambém se conserva o antigo lavadeiro

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOña está situada junto ao Parque Natural dos Montes Obarenes, uma reserva criada em 2006 com uma superfície de 33 mil hectares. Possui uma grande diversidade biológica, servindo de refúgio para diversas espécies animais ameaçadas. Nos Jardins do Monastério foi construída uma oficina em que podemos descobrir a importância do parque, além das diversas opções de senderismo existentes (o parque possui 22 rotas diferentes, cuja percurso varia dos 4 aos 15 km).

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEu e meu irmão Marcelo decidimos realizar um passeio pelo Desfiladeiro do Rio Oca, um afluente do Rio Ebro,  que atravessa a cidade. Aproveito para agradecer a simpatia do funcionário do parque, que nos recebeu da melhor forma possível e comentou que os últimos brasileiros que tinham visitado a cidade foi há dois anos atrás…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA

Ermita de San Pantaleón de la Losa

A região de Las Merindades possui um rico e diverso patrimônio histórico, composto por inúmeros castelos, edifícios relevantes e igrejas nos mais variados estilos. Entre todos, destaca o Estilo Românico, com uma grande quantidade de templos construídos na Alta Idade Média, principalmente nos séculos XII e XIII. Uma das obras mais belas e singulares da Arte Românica encontramos no chamado Vale de la Losa, uma pequena ermita dedicada a San Pantaleón, situada no alto de uma formação rochosa que se assemelha a um barco.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAUma pequena estrada de areia nos conduz ao alto desta impressionante localização, com umas vistas espetaculares desta parte de Las Merindades.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA Ermita de San Pantaleón de la Losa ergue-se solitária numa paisagem de perder o fôlego, tamanha sua beleza.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAConsagrada no ano de 1207, esta ermita possui em seu interior relíquias de San Pantaleón, mas infelizmente nao se encontrava aberta à visitação quando lá estivemos. Seu aspecto exterior é um dos mais originais de todo o Estilo Românico na Província de Burgos. Sua portada constitui um dos exemplos mais notáveis pela raridade de algumas de suas partes arquitetônicas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANo lado esquerdo da porta vemos uma inusual estátua que cumpre a função de coluna, representando um gigante que pode ser identificado como um atlante, figura relacionadas com a Mitologia Clássica.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANo lado direito, vemos outra coluna, esta em forma de zig-zag, algo que surpreende por sua rareza…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA ermita possui um rico conjunto escultórico, presente nos capitéis e nos vãos que iluminam seu interior. Algumas destas esculturas representam cabeças humanas e seres malignos.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERANuma das arquivoltas da porta principal foram esculpidos personagens humanos como se estivessem presos dentro do arco, deveras curioso…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAlguns temas bíblicos também foram representados em seus capitéis, como o episódio de Jonas e a baleia

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA forte inclinação do terreno onde se situa a ermita provocou o deslocamento dos seus planos construtivos, tanto no exterior, quanto em seu interior. Alguns mistérios estão associados a este enigmático templo, como o Santo Graal, o cálice utilizado por Jesus Cristo na última ceia. Ao redor da ermita, foi colocada uma escultura que representa o cubo mágico, cuja função neste local ignoro…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAQuando retornamos à estrada, aproveitei para tirar uma última foto da imensa rocha onde está situada a ermita…

OLYMPUS DIGITAL CAMERA