Igreja de San Nicolás – Valência

Em pleno Centro Histórico de Valência situa-se um dos templos mais belos da cidade, a Igreja de San Nicolás e de San Pedro Mártir. Recentemente, quando estive na cidade, tive a oportunidade de conhecê-la por primeira vez e admirá-la tanto sua parte exterior, quanto seu magnífico espaço interno.

20181004_144531O local onde a igreja se situa sempre foi, ao longo dos séculos, um espaço sagrado. Já em época romana, havia um templo, que foi substituído por uma mesquita durante a dominação muçulmana. Com a reconquista efetuada pelo Rei Jaime I no século XIII, a mesquita foi consagrada como uma paróquia cristã e entregue a Ordem Dominicana, que batizou o templo em homenagem a San Nicolás de Bari. Anos depois, a ordem decidiu incorporar a titularidade da igreja a San Pedro Mártir, considerado o primeiro santo mártir dos dominicanos.

20181004_144658No século XV, chamado de Século de Ouro Valenciano, a igreja foi reconstruída e ampliada, adquirindo o aspecto gótico que possui atualmente. Desta época, se conserva a portada exterior, que vemos nas imagens acima. Esta reforma ocorreu durante o governo eclesiástico do Bispo Alfonso de Borja, que se tornaria cardeal e posteriormente Papa com o nome de Calixto II.

20181004_144603Durante o período da Contrarreforma, no final do século XVII (entre 1697 e 1700), a igreja foi reformada no estilo barroco.

20181004_143337Todo o interior do templo foi coberto por um excepcional conjunto de pinturas (quase 2 mil metros quadrados), realizado pelo pintor Dionís Vidal, discípulo do grande Antonio Palomino (1653/1726), considerado um dos maiores teóricos da arte na Espanha, além de ter sido nomeado pintor de câmara do Rei Carlos II.

20181004_143349As pinturas foram realizadas na própria estrutura gótica do templo, e representam episódios das vidas dos santos titulares, San Nicolás e San Pedro Mártir. Conhecida como a Capela Sixtina Valenciana, a Igreja de San Nicolás é considerada um dos melhores exemplos da combinação do estilo gótico com a decoração barroca.

20181004_14383520181004_144022O interior da igreja possui nave única e 6 capelas de cada lado…

20181004_14430620181004_143555San Nicolás viveu no século IV, e foi Bispo de Mira, na atual Turquia. Devido às invasões otomanas, seus restos foram levados à cidade italiana de Bari, onde se encontra seu sepulcro. Protetor da infância e da família, também é invocado em momentos de dificuldades financeiras. Abaixo, vemos seu busto, situado junto ao altar maior da igreja.

20181004_143733San Pedro Mártir viveu no século XIII. Pertencente à Ordem Dominicana, nasceu em Verona, Itália, e faleceu em 1252. Abaixo, vemos o órgão da igreja…

20181004_143720A igreja conserva importantes obras artísticas, como este retábulo que representa o Calvário de Cristo, realizado pelo pintor Rodrigo de Osona em 1476, um exemplo da transição do gótico ao renascimento.

20181004_144211No século XIX, foram realizadas algumas reformas na parte exterior da igreja, no estilo neogótico

20181004_144612Finalmente, em 1981, a Igreja de San Nicolás de Valência recebeu, merecidamente, o título de Monumento Histórico-Artístico.

Valencia Barroca

O estilo barroco deixou um importante legado artístico em Valencia, da mesma forma que as correntes precedentes, o gótico e o renascimento. Prova disso constituem os vários templos realizados ou mesmo reformados dentro da estética barroca. Um exemplo é a Igreja de Santo Tomás e San Felipe Neri, situada na Praça de San Vicente Ferrer.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA igreja foi construída entre 1732 e 1736 e formava parte do Convento da Congregação do Oratório de San Felipe Neri. O projeto de sua construção se deve ao arquiteto Tomás Vicente Tosca, que utilizou como material construtivo o tijolo. Se inspirou nos modelos barrocos da cidade de Roma. A Igreja de Santo Tomás, situada nas proximidades, encontrava-se em ruína em 1836, e sua titularidade foi unida à Igreja de San Felipe Neri. Em 1982, foi declarada Monumento Histórico-Artístico. Em frente ao templo, se colocou uma fonte em 1853, época em que os habitantes da cidade ainda tinham que recorrer às fontes para o abastecimento de água. Uma estátua feminina simboliza a Sociedade dos Amigos do País, promotora de sua construção.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOutra igreja construída no período barroco, apesar dos diversos estilos que a compõem, é a Basílica da Virgem dos Desamparados, uma das mais importantes da cidade.

OLYMPUS DIGITAL CAMERALocaliza-se na Praça da Virgem, a principal praça do Centro Histórico de Valencia, assentada sobre o antigo Foro Romano. Ao seu lado, situa-se a Porta dos Apóstolos da Catedral. A Basílica da Virgem dos Desamparados foi a primeira construção barroca erguida na cidade, entre 1652 e 1657, cujo projeto se deve ao arquiteto Diego Martínez Ponce de Urrana. Foi edificada para acolher a imagem da Virgem dos Desamparados,  Santa Padroeira de Valencia.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA O culto à Virgem dos Desamparados se remonta ao século XV, momento em que se fundou a Confradía de la Madre de Dios de los Inocentes y Desamparados, um patronato ligado a criação do primeiro hospital psiquiátrico que existiu no mundo, inaugurado em 1409, que prestou um grande auxílio aos indigentes, dementes e condenados. A fachada principal do templo responde ao período final da estética renascentista, dentro dos critérios de proporção, equilíbrio e simetria.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA igreja obteve o título de Basílica somente em 1948, outorgado pelo Papa Pio XII.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAÉ no interior do templo onde podemos contemplar o magnífico edifício barroco. Sua planta oval foi a primeira que se construiu na cidade. A grande devoção dos valencianos a Virgem dos Desamparados e suas propriedades curativas influiu na escolha da planta oval do templo, pois na época existia uma relação entre este formato com o simbolismo mariano.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAExcepcional por sua grandiosidade, a cúpula se destaca tanto em seu aspecto exterior quanto interior, pois foi totalmente decorada com frescos pelo pintor espanhol Antonio Palomino (1655/1726) em 1701.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA imagem que se venera da Virgem é gótica, talhada em madeira no século XV. Abaixo, vemos o belo altar construído entre 1683 e 1694 para acolhê-la.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEsta igreja é uma das preferidas dos habitantes da cidade para a celebração do casamento. Abaixo, vemos uma vista geral do interior.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA