Igreja de San José – Madrid

Situada na Calle Alcalá, próxiao à intersecçao desta com a Gran Vía, a Igreja de San José constitui um dos maiores tesouros barrocos de Madrid. O templo foi levantado sobre o antigo Convento de San Hermenegildo, pertencente à Ordem das Carmelitas Descalças. Dito convento foi concluído em 1605 e no séc. XVIII foi derrubado. A…

Os Amantes de Teruel e a Igreja de San Pedro – Parte 2

A Igreja de San Pedro e o Mausoléu dos Amantes encontram-se situados na Praça dos Amantes, local imprescindível para conhecer esta história, cuja fama extrapolou os limites da cidade aragonesa, tornando-se conhecida em toda Espanha. A Fundação dos Amantes de Teruel é uma instituição  que se encarrega de difundir as tradições relacionadas a esta trágica…

Catedral de Taragona – Segunda Parte

Declarada Monumento Nacional em 1905, a Catedral de Taragona possui planta basilical com 3 naves e transepto (também denominado cruceiro, corresponde ao espaço perpendicular à nave central, o “braço da cruz”). Nas naves laterais, numerosas capelas, construídas entre os séculos XV e XVIII, mostram a evolução estilística da arte, com elementos góticos, renascentistas, barrocos e…

Monastério de Poblet – Última Parte

A igreja do Monastério de Poblet foi construída no último terço do séc. XII, possui planta basilical formada por uma nave central e duas laterais. O ábside está composto por uma girola, que reúne 7 capelas de grande sobriedade, como corresponde ao estilo cistercense. Uma antiga porta românica permitia o acesso à igreja desde o…

Catedral de Barcelona – Segunda Parte

O interior da igreja mede 90m de comprimento por 40 de largura. Está formado por 3 naves de mesma altura, sendo que a central possui o dobro de largura que as duas laterais. A girola, também denominada deambulatório, rodeia o presbitério, formando 9 capelas. Justo encima se encontram os vitrais mais antigos da catedral, que…

Catedral de Barcelona

Situada em pleno Bairro Gótico, a Catedral de Santa Cruz e Santa Eulália é um dos mais significativos monumentos da arquitetura gótica catalã. Sua construção iniciou-se em 1298, durante o reinado de Jaime II. O templo foi construído sobre os restos de uma basílica paleocristiana, cujos restos se podem ver no subsolo do Museu de…

Bairro Gótico – Segunda Parte

Finalizamos a visita pela Praça do Rei no Palau de Lloctinent, construído em 1549 como residência dos altos funcionários enviados a Barcelona pelo rei. Em 1583, o edifício passou a ser a sede dos Arquivos da Coroa de Aragón, e um de seus grandes atrativos é o teto de estilo mudéjar que o decora. Na…

Basílica de San Francisco – Segunda Parte

Como comentamos no post anterior, a Basílica de San Francisco possui, além da Capela Maior, 6 outras secundárias, que contornam a planta circular da igreja. Vimos três delas, e agora conheceremos as outras que faltam. A Capela da Paixão está composta por um quadro em que se representa o Calvário, obra de Germán Hernández Amores….

Basílica de San Francisco – Madrid

Este post está dedicado a uma das mais belas e suntuosas igrejas de Madrid, a Real Basílica de San Francisco El Grande. Situada próxima a Catedral de Almudena, no centro histórico da cidade, forma parte do convento franciscano fundado a princípios do séc. XIII, sobre uma desaparecida ermita consagrada a Santa Maria que, segundo a…

Patrimônios da Humanidade de Sevilha

Além do Real Alcázar, Sevilha possui dois outros monumentos catalogados em conjunto como Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 1987. O primeiro deles é a Catedral de Santa Maria , eleito um dos 12 tesouros de Espanha. O templo sevilhano é considerado a catedral gótica de maior superfície de todo o mundo. Segundo a tradição,…