Casa de las Conchas – Salamanca

Qualquer pessoa que caminhe pelo Centro Histórico de Salamanca se surpreenderá com a grande quantidade de palácios nobres existentes, que integram o patrimônio histórico da cidade declarada Patrimônio da Humanidade pela Unesco. Um dos que mais chamam a atenção do visitante é, sem dúvida nenhuma, a famosa Casa de las Conchas, assim denominada pela grande quantidade de conchas que aparecem como elemento decorador de sua fachada principal. 

OLYMPUS DIGITAL CAMERANa segunda metade do século XV, com o final das lutas nobiliárias e a derrota definitiva dos muçulmanos com a conquista de Granada, sucedida durante o reinado dos Reis Católicos em 1492, as cidades tornam-se um espaço mais seguro. A nobreza abandona os castelos rurais e retornam ao mundo urbano, construindo palácios que se convertem no símbolo de seu poder. Neles se observan, no entanto, reminiscências das antigas fortalezas medievais, como as altas torres. Os muros, tanto exteriores, quanto interiores, se ornamentam com os brasões do proprietário, como ocorre com a Casa de las Conchas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAUm ano depois da descoberta do continente americano e da conquista de Granada, um alto funcionário do reino, Don Rodrigo Arias Maldonado, ordenou a construção deste original edifício, cujas obras finalizaram em 1517. Trata-se de um dos melhores exemplos da Aquitetura Gótica Civil da Espanha. No princípio, os Reis Católicos haviam ordenado a derrubada de vários palacetes nobres erguidos com torres, principalmente daquelas famílias que contestavam seu poder. Aqueles que apoiaram a monarquía foram favorecidos, como no caso de Don Rodrigo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAExistem aproximadamente 300 conchas na fachada do palácio, e muito se especula sobre a presença deste elemento na decoração. Don Rodrigo, embaixador do rei em Paris e Lisboa, foi também catedrático na Universidade de Salamanca e membro da Ordem de Santiago, sendo que as conchas são consideradas um símbolo do Apóstolo Santiago. Sua presença demonstra o orgulho que sentia o proprietário por pertencer à ordem. Seu emblema, formado por 5 flores de lis, se combina com o de sua esposa Dona Juana, pertencente a família dos Pimentel, que também utilizava em sua heráldica as conchas como motivo principal. Sua presença na fachada seria, portanto, uma prova de amor. As conchas se destacam na fachada, junto com as janelas góticas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAExistem várias lendas a respeito de tesouros ocultos que foram colocados debaixo das conchas pelos proprietários do palácio. No entanto, era comum na época colocar moedas de ouro na estrutura do edifício para atrair boa sorte. Outra lenda postula que a família escondeu umas jóias debaixo de uma das conchas, deixando documentada a quantidade escondida, mas não a concha escolhida. Aquele que tentasse desvendar o mistério e a localizaçao exata das jóias deveria aportar antecipadamente a quantidade estipulada como fiança. Se lograsse encontrar as jóias, ficaria com o tesouro descoberto e recuperaria a fiança. Do contrário, perderia a fiança…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO interior do palácio se organiza em torno a um pátio, algo habitual nos edifícios nobres. Nele convivem vários estilos artísticos, cuja coexistência marcou o final do século XV, pois o gótico, em sua última fase, na Espanha denominado Gótico Isabelino, se mistura com o Estilo Mudéjar, tradicional no país, como podemos observar no artesanato que decora o teto do nível superior do pátio.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEstes dois estilos artísticos se combinam com as novas formas renascentistas, enriquecidas por fantásticos personagens grotescos, abundantes no pátio sob o aspecto de gárgulas. Esta nova corrente importada da Itália foi trazida ao país pela nobreza e o clero, grande parte formada na Universidade de Salamanca.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERATodo o pátio foi decorado com o escudo dos proprietários, como vemos a seguir. Ao fundo, aparece o Ernesto, que me foi apresentado pelos meus amigos Marcelo e Cristina, e que tive o prazer de sua companhia em Ávila e Salamanca.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO nível inferior do pátio está formado pelos denominados Arcos Mixtilíneos

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO nível superior foi feito com mármore branco, possivelmente de Carrara. Abaixo, vemos a bela escada que conduz à parte superior.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA Casa de las Conchas também exerceu como função ser prisão da Universidade. Está situada em frente a Igreja de la Clerecía, cuja parte da fachada principal vemos desde o pátio…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEm 1929, a Casa de las Conchas de Salamanca foi declarada Monumento Nacional e atualmente alberga a Biblioteca Municipal, além de converter-se num espaço para exposições culturais.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

Illescas – Segunda Parte

O motivo principal de minha visita à cidade de Illescas foi conhecer o Hospital Santuario de Nuestra Señora de la Caridad, o monumento mais famoso deste município castelhano. Minha curiosidade era poder admirar o legado que o grande pintor El Greco deixou para a posteridade neste lugar, sob a forma de vários quadros de temática religiosa, que ainda adornam suas dependências. No início do século XVI, o Cardeal Cisneros, um dos personagens religiosos mais importantes da Espanha, solicitou uma permissão à vila de Illescas para a construção de um convento  para a Ordem Franciscana no local que antigamente ocupava um monastério beneditino erguido por San Ildefonso (santo padroeiro de Toledo) no século VII. Em troca, o cardeal ordenou que fosse construído um hospital beneficente no local mais central do povoado.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAIniciado no início do século XVI, o hospital foi levantado junto com uma capela, onde se colocou uma imagem da Virgem da Caridade. Constituído por dois andares, sendo o inferior destinado às dependências hospitalarias e hospedagem e o superior para as tarefas administrativas, o edifício se conserva integralmente.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANa segunda metade do século XVI, o Hospital chegou a ser o mais frequentado de toda a Espanha. No ano de 1600 foi inaugurado o Santuário em homenagem a N.Sra da Caridade, que se comunica com o hospital através de um acolhedor pátio. De estilo renascentista, a igreja foi projetada por Nicolás Vergara El Joven, o mais importante representante da arquitetura toledana do século XVI.

OLYMPUS DIGITAL CAMERATanto o hospital, quanto o santuário, albergam inúmeros tesouros artísticos, com destaque para os quadros pintados por El Greco, como o retábulo maior em honra à Virgem da Caridade, realizado em 1603, e outros com temas relacionados à Virgem Maria. Sua importância radica em que permanece no mesmo local onde os quadros foram realizados, e não num museu, como normalmente ocorre com as obras de El Greco.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAtualmente o hospital e o santuário são administrados pela Funcave, uma fundação que permanece realizando as finalidades benéficas da instituiçao, de caráter social, sanitário, educativo e religioso. Sua origem se remonta ao final do século XIX, quando Don Manuel de Vega y López realizou um donativo para que a instituição pudesse manter seus objetivos originais. No pátio podemos ver um busto em sua homenagem, além de uma placa comemorativa.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAO local possui também um interessante museu inaugurado em 2005, com pinturas, esculturas e objetos litúrgicos. Lamentavelmente as fotos, tanto das obras de El Greco, como do interior do santuário, estão proibidas, de forma que abaixo adiciono o site da fundação, onde vocês poderão apreciar os quadros do famoso pintor:

Depois de realizar uma visita guiada a este interessantíssimo lugar de Illescas, ainda tive tempo de conhecer outros monumentos da cidade, como o Ayuntamiento da cidade, e um belo parque…
OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA
Na hora de almoçar, escolhi um restaurante que pertence a um hotel da cidade, com um atraente Menú que incluía uma Parrillada de Verduras de primeiro prato, Lombo de Lubina com um delicioso molho de segundo e morango com chantilly de sobremesa, além de pão, azeitonas e vinho, com um custo total de 20 euros…
OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA
Depois do almoço, fui conhecer o Museu do Azeite, um lugar que vale a pena visitar, e que será o tema do próximo e último post sobre Illescas

 

San Clemente – Parte 2

A cidade de San Clemente possui um importante patrimônio histórico digno de conhecer-se. Seus principais edifícios encontram-se nas proximidades de sua Plaza Mayor. Uma destas construções, que reflete a importância da localidade, é o Pósito, um depósito de cereais para ser utilizado em época de produção insuficiente, que somente encontramos em cidades de relevância histórica.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAConstruído no século XVI, posteriormente foi usado como prisão e quartel da guarda civil. Em sua fachada, vemos os escudos da Casa Real dos Áustrias e o próprio escudo de San Clemente.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAApesar do nome, o chamado Arco Romano pertence ao período barroco, servindo de passagem à parte histórica da cidade.  Abaixo, vemos do lado direito o Pósito e, à esquerda, a Igreja Paroquial de Santiago.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAPassando pelo arco, encontramos a Real Audiência, também do século XVI. Atualmente é a sede da Prefeitura de San Clemente. Do edifício original, conserva a arcada inferior.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERADois dos edifícios mais notáveis da cidade pertencem ao estilo renascentista. A Igreja Paroquial de Santiago constitui uma extraordinária obra, que inclui elementos góticos e barrocos em sua estrutura e decoração interna.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO templo possui duas portas principais, em uma das quais foi representado o Apóstolo Santiago.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAO projeto da igreja é atribuído ao grande arquiteto renascentista Andrés de Vandelvira (1505/1575). O interior está formado por 3 naves com enormes pilares de sustentaçao e cúpulas estrelhadas. Possui um impressionante retábulo maior barroco, que foi construído segundo o formato do original, queimado durante a Guerra Civil Espanhola do século XX.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANo centro do retábulo, vemos a figura de Santiago Matamouros, montado num cavalo branco cujas patas destroçam a cabeça de um guerreiro muçulmano. Em uma das capelas da igreja vemos uma excepcional cruz feita de alabastro, de 3 metros de altura,  considerada uma verdadeira jóia artística do final do século XV. Seu autor é desconhecido.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA sacristia da igreja exibe uma coleção de várias peças interessantes, como as que vemos abaixo…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA Antiga Casa Consistorial de San Clemente é um verdadeiro orgulho para seus habitantes, pois é considerada uma das mais belas de toda a Comunidade de Castilla La-Mancha.

OLYMPUS DIGITAL CAMERASituada na Plaza Mayor, é uma obra prima do Renascimento Espanhol. Foi edificada no século XVI, durante o  reinado de Felipe II.  Está composta por dois níveis de arcadas e uma torre.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO último arco de sua parte inferior serve de passagem para a rua lateral, como vemos na imagem acima. Foi projetado por Domingo de Zalvide e sua construção se estendeu de 1566 a 1622. O edifício apresenta uma curiosa decoração de personagens, estando coroado pelo Escudo Monárquico dos Áustrias.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAHoje em dia, funciona como arquivo histórico local e museu, além de um centro de exposições. Tanto a igreja quanto a antiga Casa Consistorial foram declarados Bem de Interesse Cultural em 1992.

Alarcón – Parte 2

Ao longo do século XVI, a cidade de Alarcón manteve a importância que teve em tempos passados, e uma prova disso é a quantidade de igrejas que chegou a ter, concretamente 5, um número elevado para seu tamanho reduzido. Atualmente se conservam 4, e pude visitar três delas. A mais antiga é a Igreja de la Santísima Trinidad, construída no século XIII, logo depois da conquista de Alarcón pelo Rei Alfonso VIII.

20181215_114425No começo do século XV, se realizou a bela fachada plateresca do templo, durante a época do senhorio do Marquês de Villena e do Bispo Diego Ramírez de Villaescusa, cujos escudos foram colocados na porta principal, em sua parte superior.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA torre que vemos hoje em dia foi construída no século XVI, com um arco em sua parte inferior com o objetivo de não cortar a rua que passa por debaixo dele…

20181215_11441320181215_120242Inicialmente o templo possuía apenas uma nave, mas a igreja foi ampliada, apresentando um estilo de transição do românico ao gótico, que podemos observar nos arcos que formam o interior.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEsta igreja foi utilizada como paróquia até 1995, e atualmente se encontra vazia. A mais importante de todas as igrejas de Alarcón é a Paróquia de Santa María, a única que permanece com cultos religiosos.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEste impressionante templo foi edificado no século XVI, estando considerado um dos mais importantes de toda a Província de Cuenca. Abaixo, vemos a portada sul da igreja…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO interior desta igreja é incrível, formado por 3 naves com bôvedas góticas….

OLYMPUS DIGITAL CAMERASeu notável retábulo maior de estilo renascentista foi realizado em 1572, estando dedicado à Virgem Maria.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERADo século XVIII é o coro barroco, muito bonito…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA Paróquia de Santa María de Alarcón foi declarada Monumento Nacional por sua importância histórica e por seu conjunto artístico, de excepcional valor.

Plaza Mayor de Trujillo – Parte 2

A Plaza Mayor de Trujillo constitui um grande espaço urbano de estilo renascentista. De fato, o século XVI é considerado o “Século de Ouro” da cidade, e muitos são os edifícios construídos neste período que se converteram em residência das famílias nobres da cidade e que foram situados em plena Plaza Mayor. Um destes palácios, o de Orellana-Pizarro, serviu de hospedagem ao grande escritor Miguel de Cervantes. Construído em 1541, tornou-se um dos primeiros palácios renascentistas de Trujillo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAO Palácio dos Duques de San Carlos está situado num dos costados da praça, e possui um conjunto de curiosas chaminés. Atualmente, é um convento de freiras pertencente a Ordem Jerônima.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAO escudo dos proprietários foi colocado numa das esquinas do edifício, algo que ocorre com outros palácios da cidade.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA denominada Casa de las Cadenas serviu de hospedagem para o Rei Felipe II em sua estadia na cidade em 1583. Conserva a Torre del Alfiler, de origem medieval (século XIV), que vemos no lado esquerdo da foto abaixo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA torre pode ser visitada, e o escudo situado em sua parte mais alta pode ser visto desde a Plaza Mayor. Abaixo, vemos outra imagem da torre.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAJunto à Estátua Equestre de Pizarro encontramos a Igreja de San Martín, erguida entre os séculos XV e XVI.

20181209_155349OLYMPUS DIGITAL CAMERASua austera fachada renascentista contrasta com o interior gótico

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA igreja possui um maravilhoso órgão do século XVIII…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA

Plaza Mayor de Trujillo

Devido ao destacado centro histórico e monumental que possui, Trujillo foi declarada conjunto histórico-artístico, e foi cenário para a realizaçao de diversos filmes. Um dos locais mais famosos é sua esplêndida Plaza Mayor, considerada das mais belas da Espanha.

OLYMPUS DIGITAL CAMERADe formato retangular, constitui o centro da localidade, estando composta por edifícios dos séculos XV e XVI, onde predomina o estilo renascentista.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERANum dos costados da praça localiza-se as Antigas Casas Consistoriais, do século XVI…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAUm dos edifícios que mais impressiona na praça é o Palácio dos Marqueses da Conquista, construído no século XVI pela filha de Francisco Pizarro, conquistador do Peru, Francisca Pizarro Yupanqui.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERANo interior do palácio foi montado um presépio (Belém, em espanhol), um dos muitos que pude presenciar em minha visita a Extremadura

OLYMPUS DIGITAL CAMERANum dos extremos da praça foi colocado outro presépio, além de uma grande árvore de natal que decora seu perímetro.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOutro elemento essencial da praça, que a tornou famosa, é a Estátua Equestre de Francisco Pizarro, explorador e conquistador espanhol nascido na cidade, responsável pela conquista do Peru (em breve, realizarei uma matéria sobre este importante personagem). Foi esculpida em bronze pelo escultor americano Charles Cary Rumsey e colocada na Plaza Mayor de Trujillo em 1929. Em Lima, capital do Peru, cidade onde faleceu o conquistador, existe uma réplica.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAAbaixo, vemos uma panorâmica da praça, tirada do alto do Castelo de Trujillo

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA praça possui também um aspecto comercial, com uma grande quantidade de bares e restaurantes. Aproveitei minha visita à cidade para almoçar na praça…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAJunto à estátua equestre de Pizarro encontra-se a Igreja de San Martín, que veremos no próximo post….

 

 

Palácio de la Generalidad – Valência

Durante nossa estadia em Valência, eu e meu irmão Marcelo tivemos a sorte de poder conhecer um edifício que normalmente se encontra fechado ao público, mas que abriu suas portas com o motivo da celebração do dia da Comunidade Valenciana, no início de outubro. O denominado Palácio de la Generalidad (Palau de la Generalitat, no idioma valenciano) é a sede do governo da Comunidade Valenciana, e situa-se em pleno centro histórico da cidade.

20181004_161945Considerado um símbolo das instituições políticas da comunidade, o Palácio de la Generalidad é um excelente exemplo da arquitetura gótica civil que podemos apreciar na cidade. Foi construído no século XV (1421) como residência nobre, e reformado no século XVI, quando incorpora também o estilo renascentista em sua fachada, com a construção de uma grande torre.

20181004_160500Formam parte da Generalidad as Cortes Valencianas, o Presidente da Comunidade e o Conselho. Seu antecedente histórico, do qual procede seu nome, foi a Deputação Geral, que surgiu na segunda metade do século XIV como uma comissao organizada pelas Cortes do antigo Reino de Valência, encarregada de cobrar o imposto chamado de generalidades.

20181004_161748Abaixo, vemos um detalhe da fachada…

20181004_160555O interior do edifício está formado por um belo pátio gótico, com uma escada construída em 1511.

20181004_160635Tivemos a oportunidade de conhecer as principais dependências do palácio, como a Sala Dourada, assim chamada pela cor do artesanato de estilo mudéjar que a decora.

20181004_16125720181004_161313A Sala dos Reis possui um interessante conjunto de retratos dos monarcas que governaram a Comunidade Valenciana. Também se conhece como a Sala da Capela devido ao pequeno espaço religioso que se situa em seu extremo.

20181004_16112220181004_161148O local mais interessante do palácio é a Sala Nova ou das Cortes, decorada em seu teto com um artesanato original de madeira do século XVI.

20181004_160811Além do mais, pinturas representativas dos diversos setores sociais (políticos, clero e classe militar) ornamentam suas paredes…

20181004_16085420181004_160837Ao longo de sua existência, o palácio foi a sede de várias instituições, como a Casa da Deputação do Reino de Valência (1421 a 1705), Real Audiência (1750 a 1923), Deputação Provincial (1923 a 1982) e finalmente sede da Generalidad a partir de 1982.

20181004_160714Em 1931, o Palácio de la Generalidad foi declarado Monumento Histórico-Artístico.