Românico em Girona

Como vimos nos posts dedicados à Catedral de Girona, a cidade guarda impressionantes mostras de Arte e Arquitetura Românicas. E seu legado não termina com as contribuições do estilo para o templo catedralício da cidade. Situada fora das antigas muralhas, por ex., localiza- se a Capela de San Nicolás. Construída no séc. XII, havia no local um cemitério na Idade Média, e pode ser que se tratasse de uma capela funerária, levantada para acolher tumbas monumentais. O interior está desprovido de ornamentação, sendo atualmente usado como espaço para exposições culturais. A capela foi catalogada como Monumento Histórico-Artístico em 1919, e sofreu um amplo processo de restauração, a partir de 1940.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA capela esteve vinculado ao Monastério de San Pedro de Gallicants,  situado ao lado deste pequeno, mas belo e representativo templo.  Também erguido no séc. XII (1130), o monastério era uma antiga abadia beneditina e de muitos pontos da cidade podemos apreciar sua bela torre.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA torre campanário possui um formato octogonal, e foi levantada no séc. XIV, como parte do processo de remodelação das muralhas de Girona.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO Monastério de San Pedro de Gallicants está formado por uma igreja de planta basilical, 4 ábsides e claustro.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANa foto a seguir, vemos a fachada do templo , decorado com belos capitéis.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAApesar de suas reduzidas dimensões, o claustro é um bom exemplo do Românico Catalão.

OLYMPUS DIGITAL CAMERADesde 1857, o monastério abriga a sede, na cidade, do Museu Arqueológico da Catalunha, com peças relativas à época romana e outras de caráter religioso.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA