Cultos Diversos em Madrid

Madrid é uma cidade com uma grande quantidade de belas igrejas católicas, muitas das quais já foram apresentadas no blog. Além do barroco, que predomina sobre os demais  estilos artísticos, podemos conhecer construções renascentistas, neoclássicas, ecléticas, modernas, contemporâneas, etc. Além do mais, em Madrid convivem diferentes credos, que materializaram suas crenças em templos de grande interesse histórico e arquitetônico. No post de hoje, veremos alguns deles. A Igreja Anglicana de San Jorge, por exemplo, é o principal templo da comunidade britânica na cidade, e foi construída em 1926 pelo reconhecido arquiteto Teodoro de Anasagasti. O destaque são as torres com características neomudéjares, algo tipicamente espanhol.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA Igreja Ortodoxa possui dois belíssimos templos. Inspirada nos modelos gregos, a Igreja Ortodoxa dos Santos Andrés e Demétrio foi edificada em 1971, e seu projeto contou com a participação de arquitetos gregos e espanhóis. A seguir vemos algumas imagens desta bela construção.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA Basílica Ortodoxa Russa foi inaugurada em 2013, e foi construída no chamado estilo russo-bizantino. Características são suas cinco cúpulas, que representam a Cristo e os 4 evangelistas. O templo foi projetado pelos arquitetos Alexei Vorontsov e Jesús San Vicente.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

A Constituiçao de Cádiz

Um dos fatos históricos mais importantes sucedidos em Cádiz foi a promulgação da Constituição de 1812, um acontecimento fundamental na vida do país por ter sido a primeira carta magna elaborada na Espanha. Foi aprovada em plena Guerra da Independência (1808/1814), num período em que o país foi governado por José Bonaparte, irmão do imperador Napoleão.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA Constituição de Cádiz foi a resposta do povo espanhol à invasão  comandada pelo imperador francês. Considerada uma das mais liberais de sua época, tornou-se conhecida como “La Pepa“, uma alusão a José Bonaparte, vulgo Pepe Botella. Apesar de sua transcendência, a constituição teve uma vida efêmera, pois foi abolida quando o monarca Fernando VII retorna de seu cativeiro na França no final da guerra, implantando o mais duro absolutismo no governo do país durante 6 anos (1814-1820). Atualmente, podemos visitar vários lugares associados a este grande momento histórico da cidade, como o Monumento à Constituição de 1812, erguido em 1912 para celebrar seu primeiro centenário.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEsta bela homenagem foi projetada pelo arquiteto Modesto López Otero (1885/1962) e o escultor Aniceto Marinas (1866/1953).

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA Constituição de Cádiz foi promulgada no Oratório de San Felipe Neri, um templo barroco de grande relevância no panorâmico artístico de Andaluzia, por ser um dos poucos existentes construídos numa planta elíptica.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO local foi declarado Monumento Histórico-Artístico em 1907, tanto por sua singularidade arquitetônica, quanto por sua importância histórica, pois tornou-se a sede da corte durante a elaboração da constituição. No exterior, várias lápides comemorativas celebram este grande momento.

OLYMPUS DIGITAL CAMERABem próximo ao Oratório situa-se o Museu Iconográfico e Histórico das Cortes e do Sítio de Cádiz, também inaugurado em 1912 como comemoração de seu primeiro centenário. O edifício foi projetado pelo arquiteto Juan Cabrera Latorre, que concebeu uma fachada de inspiração neoclássica. Acolhe abundantes objetos dos séculos XVIII e XIX, principalmente aqueles relacionados com o assédio das tropas francesas ocorrido entre 1810 e 1812. Evidentemente, conta também a história da Constituição de 1812

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOutro aspecto pelo qual Cádiz é conhecida internacionalmente se deve ao famoso carnaval realizado anualmente. Uma de suas maiores atrações, o desfile de fantasias, pode ser admirado no Teatro Falla, o mais importante da cidade.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEsta bela construção neomudéjar foi iniciada em 1884, sendo finalizada somente em 1910, pelo mesmo arquiteto do Oratório de San Felipe Neri, Juan Cabrera de Latorre. Possui um formato de ferradura, e se assemelha muito às Praças de Touros edificadas no mesmo estilo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO Teatro Falla foi construído no mesmo lugar onde anteriormente se erguia um teatro feito de madeira, incendiado em 1881. Os elementos da arquitetura islâmica destacam-se na fachada do edifício…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAFinalizamos nosso passeio por esta bela cidade com uma das joias de sua arquitetura contemporânea, o Hotel Parador Atlântico, que oferece estupendas vistas de Cádiz.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAInaugurado em 1929, foi totalmente reformado há alguns anos atrás, segundo os critérios mais avançados da tecnologia construtiva. O projeto se deve ao arquiteto Luis Collarte, que enfatizou a amplitude dos espaços e o aproveitamento da luz.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA reforma do hotel levou em conta as modernas normas ambientais, com painéis solares, coletores de águas pluviais, utilização de energia renovável, etc. Tive a oportunidade, junto com minha esposa, de saborear um almoço em seu restaurante, e provar sua deliciosa gastronomia.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Despedida de Baeza

No meu último dia de viagem por Baeza pude conhecer os locais de interesse que me faltavam, como por exemplo, a Praça de Touros, construída em 1892.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAPara sua construçao, foram aproveitados os materias de conventos demolidos. Seu estilo é o neomudéjar, segundo a moda construtiva da época para estes tipos de espaços públicos.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO neomudéjar pode ser observado na forma dos arcos polilobulados, tanto da fachada, quanto dos vaos existentes ao longo do perímetro da praça. De forma poligonal, possui capacidade para 6.500 espectadores.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOutro edifício histórico interessante, que impressiona por sua decoraçao, é a antiga Prisao e Casa de Justiça. Levantada a partir de 1520, é um dos edifícios mais originais do Estilo Plateresco da Andalucía.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERADurante a noite, relaxava das caminhadas diárias e foi quando conheci o Café Central,  um bar com um atendimento simpático e uma música de excelente qualidade. Me permitiram inclusive voltar no dia seguinte pela tarde para tirar algumas fotos de seu deslumbrante interior.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAAlgo típico, nao só da Andalucía, como em muitos outros lugares de Espanha, é que muitas vezes, as portas das casas permanecem abertas, e assim podemos admirar o interior de suas entradas, com uma decoraçao realmente magnífica. Abaixo, seleciono algumas das que vi em Baeza.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERACertamente, Baeza deixará muitas saudades, pela beleza de seus monumentos, sua rica história e gente hospitaleira. Nosso próximo destino será sua cidade-irma, Úbeda, que nao fica atrás e também considerada Patrimônio da Humanidade pela Unesco. Antes, porém, uma última seleçao de fotos de Baeza

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA

Monastério de Santo Domingo – Madrid

No post de hoje conheceremos um pouco da história do Monastério de Santo Domingo de Madrid. De origem medieval, foi derrubado e reconstruído num lugar distante de sua localizaçao original. O antigo monastério foi edificado no ano de 1218, considerado um dos mais importantes da história da cidade, graças aos privilégios concedidos pelos monarcas espanhóis. Estava situado na Plaza de Santo Domingo, ao lado da Gran Vía. Atualmente, o lugar nem de longe recorda a importância que teve.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAO Monastério foi fundado por Santo Domingo de Guzmán (Caleruega – 1170/Bolonha – 1221), dois anos depois de criar a chamada Ordem dos Predicadores ou também conhecida como Ordem Dominicana (1216). Nesta antiga instituiçao, se venerava uma pia batismal na qual o santo havia sido batizado, e que inicialmente se encontrava na paróquia do povoado de nascimento do santo, Caleruega, situado na Província de Burgos. Ao ser declarado santo em 1234 pelo Papa Gregório IX, a pia passou a ser venerada como uma relíquia. Tempos depois, o rei Felipe III (1578/1621) trouxe a pia de Caleruega a Valladolid para o batismo de seu filho, futuro rei Felipe IV. Entao, foi trazida a Madrid e depositada no Monastério de Santo Domingo. A partir deste momento, tornou-se tradiçao que todos os herdeiros da Família Real fossem batizados nesta pia histórica, costume que permanece hoje em dia. Apesar do valor histórico e artístico que possuía, o monastério foi derrubado em 1869. Dez anos depois, se levantou o novo Convento de Santo Domingo, situado, como disse, em outro local.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAO edifício foi projetado pelo arquiteto Vicente Carrasco Muñoz no estilo neomudéjar e a fachada está presidida por  uma escultura de Santo Domingo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO interior da igreja possui uma curiosa planta centralizada com uma cúpula de formato octogonal.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERANo Retábulo Maior, a imagem do santo fundador da ordem também está presente.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAApesar da perda de numerosas obras de arte do monastério destruído, sua principal relíquia, a Pia Batismal, foi preservada e pode ser vista atualmente no convento novo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA famosa Pia Batismal foi feita com pedra branca, estando adornada com elementos dourados que ostentam as armas reais e o escudo da Ordem Dominicana. Quando visitei a igreja, fui super bem recebido pela comunidade de religiosas de clausura do convento, que me permitiram inclusive uma foto.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOutra imagem de grande devoçao que se encontra no convento é uma escultura de finais do séc. XIV, que representa uma Madona, talhada no período de transiçao entre o Românico e o Gótico. Infelizmente, nao pude vê-la…

Neomudéjar em Madrid – Igreja de San Fermín de los Navarros

No charmoso Bairro de Chamberí situa-se a Igreja de San Fermín de los Navarros, outro belo templo construído no Estilo Neomudéjar em Madrid.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA igreja pertence a Real Congregaçao de San Fermín de los Navarros, fundada em 1673 por um grupo de devotos de San Fermín, padroeiro da Comunidade de Navarra, residentes na capital. A imagem do santo preside a fachada do templo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA Igreja de San Fermín de los Navarros foi construída pelos arquitetos Eugenio Jiménez Corea e Carlos Velasco, sendo inaugurada em 1890.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO exterior foi inspirado no Mudéjar de Toledo, como aconteceu em muitas outras construçoes neomudéjares de Madrid.  Já o sóbrio interior é característico da arquitetura neogótica.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAbaixo, vemos o retábulo maior, com uma imagem de San Fermín.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAs vidreiras proporcionam luminosidade ao interior da igreja, e sao realmente muito bonitas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAEstamos concluindo a matéria sobre o neomudéjar em Madrid. Antes, porém, gostaria de mencionar outras duas construçoes religiosas realizadas no estilo. A Igreja Evangélica del Salvador pertence a fase final do neomudéjar, e foi levantada em 1913 pelo arquiteto Luis López.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA Igreja do Hospital del Niño Jesus foi construída para o complexo hospitalário, entre 1879 e 1881. Até a construçao desta instituiçao, nao havia no país nenhum estabelecimento dedicado exclusivamente às crianças.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA igreja é um belíssimo exemplar do neomudéjar,  com a fachada composta por 3 torres. Um relógio e uma estrutura de ferro coroam a torre central.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Neomudéjar em Madrid – Igreja da Paloma

No post de hoje conheceremos umas das igrejas mais queridas pelos madrilenhos, a Igreja da Paloma, situada bem próxima a Catedral de Almudena. Os habitantes da capital se acostumaram a chamá-la desta forma devido a sua localizaçao, na Calle da Virgem da Paloma. No entanto, este templo denomina-se Paróquia de San Pedro El Real.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO templo atual, já que houve uma construçao anterior que foi demolida, foi levantado entre 1896 e 1912 pelo arquiteto Lorenzo Álvarez Capra. A fachada da igreja se insere dentro da arquitetura eclética, combinando elementos de diversas correntes artísticas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA inspiraçao mudéjar se observa principalmente no material construtivo utilizado, o tijolo, e nos arcos polilobulados das torres. O gótico está presente nos arcos centrais, com sua característica forma ojival. Destacamos também elementos do românico, nos arcos semicirculares de sua parte inferior.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA origem da Igreja da Paloma se relaciona com o achado de um quadro da Virgem de la Soledad (Virgem da Solidao, em português) por uns meninos do bairro. Quando soube do ocorrido, uma vizinha da regiao chamada Isabel Tintero (a quem foi dedicada o nome da rua situada em frente a igreja) trocou o quadro por umas moedas e o colocou na fachada de sua casa. Com o tempo, o quadro adquiriu a fama de ser milagroso e os madrilenhos começaram a sentir uma grande devoçao pela imagem.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO quadro foi colocado no interior da igreja e depois da Guerra Civil Espanhola foi dotado de um grandioso marco que o envolve. Um belo dia, quando foram retirá-lo para as festas em honra a virgem (celebradas anualmente no dia 15 de agosto), ninguém podia segurá-lo devido ao peso da estrutura. Os bombeiros foram chamados para realizar a tarefa e, a partir de entao, tornou-se costume que venham retirar o quadro. A Virgem da Paloma acabou se transformando na Padroeira dos Bombeiros.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAlém do famoso quadro, o interior da Igreja da Paloma se destaca por um curioso batistério octogonal, onse sao realizados ritos de batismo por imersao, como nos primeiros tempos do cristianismo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA Abaixo, vemos um dos vitrais do interior do templo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAComo vimos, arte, história e uma grande devoçao se misturam nesta bela igreja, que merece ser conhecida….

Neomudéjar em Madrid – Igreja da Buena Dicha

Ao lado da Gran Vía de Madrid existe uma pequena jóia arquitetônica, que muitas vezes passa desapercebida pelas milhares de pessoas que circulam diariamente por esta emblemática rua da capital de Espanha. O post de hoje está dedicado a Igreja da Buena Dicha, situada na pequena Calle Silva.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA atual Igreja da Buena Dicha foi levantada em 1913 pelo arquiteto Francisco García Nava, que combinou os estilos neomudéjar e o neogótico tanto na fachada, quanto em seu interior. A fachada foi construída com tijolos e pedra, além de ter sido decorada com cerâmica.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERANo exterior destacam os 3 grandes arcos de ferradura, sustentados por colunas de pedra com capitéis de influência gótica.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA cada lado erguem-se duas torres inspiradas no mudéjar. A origem desta bela e desconhecida igreja se remonta ao ano de 1594, quando se fundou o Hospital de N.Sra de la Concepción y de la Buena Dicha, cujo objetivo era atender os mais necessitados do bairro. Também foi construída uma igreja, que foi demolida para a construçao do templo que vemos atualmente. Nesta anterior igreja, muitas das heroínas que ofereceram resistência contra os franceses durante a ocupaçao napoleônica foram nela sepultadas, devido a sua proximidade com as batalhas que ocorreram no dia 2 de Maio de 1808.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEntre as heroínas mais famosas, citamos a Clara del Rey e Manuela Malasaña, personagens que se tornaram lendários na luta contra o exército de Napoleao. Ambas receberam nome de ruas. A Manuela Malasaña se deve inclusive o nome do famoso Bairro onde se situa a igreja, o Bairro de Malasaña.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO interior da Igreja da Buena Dicha é realmente magnífico, onde os elementos neogóticos e neomudéjares se combinam perfeitamente.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAO altar maior está presidido por um retábulo modernista do escultor Urbano Parcero, com uma imagem da Virgem da Buena Dicha, original do séc. XVI.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAUm grande vitral sobre a criaçao do mundo, também modernista, decora o corpo principal da igreja.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAImpressionante é a bôveda de crucería realizada no chamado estilo califal, formando uma estrela de 8 pontas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAComo vocês podem observar, Madrid conta com uma quantidade enorme de belas igrejas, que devem ser conhecidas como local de culto e preservadas como parte de seu imenso patrimônio artístico, histórico e cultural.