Festival Internacional de Teatro Clássico – Almagro

Como comentei num post anterior, no mês de julho acontece em Almagro o Festival Internacional de Teatro Clássico, uma das festividades mais importantes do calendário anual da cidade. A primeira edição do festival ocorreu em 1978 e desde este momento se consolidou como um referente a nível mundial.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAs numerosas obras teatrais realizam-se em 5 lugares diferentes, cada qual com características próprias, como a Plaza Mayor e o Corral de Comédias. Outro local utilizado é a Igreja de San Agustín, considerada uma obra prima do barroco da Província de Ciudad Real.

OLYMPUS DIGITAL CAMERASituada junto à Plaza Mayor de Almagro, a igreja fazia parte de um antigo convento fundado por uma família local para as freiras da Ordem de Santo Agostinho, do qual somente se conservou o templo, que foi concluído no século XVIII. A igreja foi seriamente afetada pelo Terremoto de Lisboa de 1755.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA igreja está decorada por um excelente conjunto de pinturas murais que a cobrem por completo. Sua temática relaciona-se com a Exaltação de Santo Agostinho, a Eucaristia e a Virgem Maria.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERADeclarada Bem de Interesse Cultural em 1993, nela se realizam atividades culturais e concertos.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAQuando lá estive, havia uma curiosa exposição sobre as máquinas utilizadas na época do Teatro Barroco para criar efeitos especiais relacionadas aos fenômenos naturais. Abaixo, vemos uma destas máquinas, fabricada para simular o vento…

OLYMPUS DIGITAL CAMERA Esta outra imitava o som das chuvas…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA de abaixo provocava um som igual ao dos trovões…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAForam criadas inclusive máquinas que reproduziam o movimento das ondas, conhecida como Máquina de Sabattini. Está composta por 3 cilindros retorcidos sobre si mesmos. O efeito se conseguia girando os cilindros de forma simultânea na mesma direção. Este modelo foi difundido em toda a Europa a partir de 1638 graças ao tratado de Nicola Sabattini.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAUma das representações teatrais de caráter religioso mais famoso da Espanha é o Mistério de Elche. De origem medieval, continua sendo realizado todo mês de agosto na Basílica de Santa María de Elche, uma cidade da comunidade valenciana que já foi tema de vários posts publicados entre 17/11/2016 e 25/11/2016. No dia 23/11/2016 publiquei uma matéria sobre a Basílica e o Mistério de Elche. Esta celebração ocorre durante as festividades em honra à Virgem da Assunção. Desde a cúpula da igreja, que se cobre com uma espécie de lona que simula o céu, descende um anjo situado no interior de um aparato denominado Mangrana, que anuncia a morte da Virgem Maria. Na Igreja de San Agustín de Almagro podemos ver uma réplica menor do aparato…

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Almagro – Castilla La Mancha

No mês passado pude realizar um antigo sonho, conhecer a bela cidade de Almagro. Passei um final de semana nesta cidade castelhana, situada na Província de Ciudad Real, uma das que fazem parte da Comunidade de Castilla La Mancha. Com cerca de 9 mil habitantes, seu importante patrimônio histórico conservado fez com que fosse declarada Conjunto Histórico-Artístico em 1972.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA origem desta vila remonta ao século XII, quando o Rei Alfonso VIII concede uns terrenos conhecidos como Almargue à Ordem de Calatrava, em agradecimento por sua participação na reconquista de algumas cidades castelhanas, como Cuenca, por exemplo. De fato, a presença da Ordem de Calatrava foi fundamental para o desenvolvimento do povoado. Abaixo, vemos a Cruz da Ordem de Calatrava, situada num jardim da cidade, e um antigo hospital construído pela ordem, um pouco abandonado por sua antiguidade, mas decorado com uma figura do Don Quixote em sua fachada…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERANo século XIII, Almagro foi escolhida pelos mestres da Ordem de Calatrava como local de residência e o centro de governo de suas abundantes propriedades. Em 1213, o mestre D.Gonzalo Yáñez outorgou um foro à vila.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAUm des seus personagens históricos mais relevantes foi Diego de Almagro, com um importante papel na conquista do continente americano. Durante a conquista do Peru, foi subordinado de Pizarro, antes que brigassem e se convertesse no conquistador e governador do Chile. Nasceu em Almagro em 1487 e faleceu na cidade peruana de Cuzco, em 1538. Abaixo, uma estátua equestre recorda sua importância histórica.

OLYMPUS DIGITAL CAMERADurante o século XIV, a vila esteve protegida por um recinto de muralhas, mas estas foram derrubadas em 1886. No século XVIII, Almagro sofreu severamente as consequências do Terremoto de Lisboa (1755), afetando muitos de seus edifícios históricos. Abaixo, vemos uma das belas praças da cidade, com alguns dos inúmeros palácios nobres conservados…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA Plaza Mayor de Almagro é considerada uma das mais belas da Espanha, e publicarei um post especial sobre ela…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAlmagro também é sinônimo de Teatro, pois acolhe em sua Plaza Mayor um dos únicos precurssores do Teatro Moderno que se conservam , denominado Corral de Comédias, que em breve vocês poderão conhecer aqui no blog. No mês de julho, anualmente a cidade se transforma com o Festival Internacional de Teatro Clássico, famoso em todo o mundo. Mais de 10 espaços teatrais, 40 companhias e cerca de 100 espetáculos são realizados para o deleite dos habitantes e dos milhares de visitantes que a cidade recebe. A própria Plaza Mayor é um dos lugares onde podemos assistir algumas das obras apresentadas.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOutro local onde podemos presenciar o festival, o Teatro Municipal constitui um espaço cultural de primeira ordem. Construído em 1863 pelo arquiteto Cirilo Vara y Soria, nele foram realizadas as primeiras projeções cinematográficas da cidade. Em 1988 foi restaurado pelo famoso arquiteto Miguel Fisac.

OLYMPUS DIGITAL CAMERADe estilo neoclássico, foi inspirado nos teatros italianos, convertendo-se ao longo de sua história no centro cultural da vila.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAFinalizo este primeiro post sobre Almagro com uma curiosa foto em que aparecem as gárgulas que servem para escoar a água das chuvas, presentes em várias casas da cidade.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Um Passeio por La Alberca

Devido ao fato de ser um pueblo, um povoado pequeno, é muito fácil conhecer La Alberca, preferencialmente caminhando. Todos os caminhos levam à Plaza Mayor, considerada o centro do povoado, lugar de encontro de seus habitantes e das principais festividades do calendário anual da localidade, que inclui corridas de touros.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERANela se encontra o Edifício do Ayuntamiento, como se conhece a prefeitura, identificada pelo escudo do município em sua fachada principal. Em épocas passadas, o edifício também acolheu a prisão do povoado…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERANum dos extremos da praça situa-se um belíssimo cruzeiro, um dos mais interessantes de toda a Província de Salamanca.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAProvavelmente construído no século XVIII, seu pedestal está formado por uma fonte de água. A cruz, feita de pedra, está decorada com os símbolos da Paixão de Cristo (cravo, martelo, escada, lança, corda, etc). Cristo crucificado está representado no alto da coluna, ainda vivo…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAs casas que rodeiam a praça foram construídas ao longo de uma galeria sustentadas por colunas de granito. Um exemplo é a residência pertencente à Casa de Alba, cujos membros foram os senhores da vila durante séculos. A construção modesta difere das outras propriedades desta família nobre espalhadas por outras cidades da Espanha, mesmo porque raramente vinham ao povoado.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOutro local de grande importância em La Alberca é a Plaza de la Iglesia, presidida pela igreja paroquial, que impressiona por seu tamanho.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAFoi edificada no século XVIII no estilo barroco, estando desprovida de qualquer elemento decorativo. A estrutura da igreja foi afetada pelo Terremoto de Lisboa, sucedido em 1755.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAbaixo, vemos a torre da igreja…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO interior está formado por 3 naves. Um de seus maiores destaques é o maravilhoso Púlpito, provavelmente do século XVI, feito de pedra e belamente decorado.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA seguir, uma foto geral do interior…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOutro lugar de interesse no interior da igreja é a Capela de N.Sra das Dores, presidida por uma imagem de Nossa Senhora que foi trazida do continente americano pelo fundador da capela.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA

Um Passeio por Ciudad Real

Na matéria de hoje veremos dois lugares emblemáticos de Ciudad Real. Iniciamos nosso tour virtual pela principal praça da localidade, a Praça Maior.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEsta praça é um dos principais pontos de encontro de seus habitantes, e desde séculos é o centro político e administrativo da cidade. Nela podemos observar a Antiga Casa Consistorial, construída no século XV. Também chamada de Casa del Arco, pela estrutura que foi colocada na parte inferior do edifício em 1619, desde há muito tempo padece de problemas estruturais por motivos vários, como o Terremoto de Lisboa (1755), que também afetou Ciudad Real.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEm 1864, a Antiga Casa Consistorial foi declarada em ruínas, e quatro anos depois se construiu uma nova sede para a Prefeitura, que também foi derrubada. Em 2005, se instalou na parte superior da Antiga Casa Consistorial um relógio. Em determinadas horas do dia, aparecem pela porta as figuras de D. Quixote (lendo um livro) e Sancho Pança, para celebrar o quarto centenário da primeira parte da novela mais famosa de Cervantes.

OLYMPUS DIGITAL CAMERADo outro lado da praça, em frente à antiga Casa Consistorial, se construiu em 1976 o curioso edifício do atual Ayuntamiento de Ciudad Real.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO arquiteto que o projetou, Fernando Higueras, se inspirou na arquitetura gótica, colocando uma série de pináculos. Sua cobertura metálica é própria de cidades nórdicas, pois sua estrutura inclinada impede a acumulação de neve.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA praça está presidida por uma escultura do Rei Alfonso X “El Sábio”, fundador da cidade, como vimos no post inicial sobre Ciudad Real.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAbaixo, vemos um dos edifícios que integram o espaço arquitetônico da praça…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAQuando estive em Ciudad Real, várias vezes passava pela Praça Maior por sua localização central, em busca de novos lugares por descobrir. A igreja gótica mais antiga das três que possui a cidade é a de Santiago, de finais do século XIII.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA parte exterior da igreja é de grande simplicidade, destacando sua torre quadrada…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO interior da Igreja de Santiago está composto por 3 naves, e uma impressionante cobertura decorada com artesanato mudéjar.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAO Altar Maior esteve, em tempos passados, presidido por uma imagem do Apóstolo Santiago que foi colocada num retábulo barroco, ambos destruídos durante a Guerra Civil Espanhola. De fato, esta igreja foi uma das construções mais castigadas pela guerra em Ciudad Real.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAFelizmente, entre 1985 e 1989 a igreja foi restaurada, devolvendo-lhe o aspecto gótico que sempre possuiu. Finalizamos o post com a Cruz da Ordem de Santiago, que vemos no solo em frente ao templo.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

Um Passeio por Jerez de los Caballeros

Durante todo o dia estive passeando por Jerez de los Caballeros, descobrindo seus lugares mais belos e importantes. Um dos primeiros, logo ao chegar à cidade, foi a Igreja de Santa Catalina, construída provavelmente sobre um templo anterior medieval e ampliada no século XVI. No entanto, a igreja foi danificada pelo terremoto de Lisboa,e teve que ser reformada no século XVIII, quando se ergueu a torre.

OLYMPUS DIGITAL CAMERADo lado da fachada principal da igreja se construiu na mesma época a Casa Reitoral de Santa Catalina.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAMuitos foram os conventos existentes na cidade em seu período de maior esplendor, como o Convento de San Agustín, de finais do século XVI. Nele, destaca-se o claustro e atualmente é usado como diversas dependências administrativas e culturais, como o Arquivo Histórico Municipal.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERACompletam o patrimônio religioso da cidade várias ermitas, espalhadas pelos seus bairros. A de maior dimensão e única ainda aberta ao culto é a Ermita dos Santos Mártires, provavelmente construída no início do século XVI.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEsta outra transformou-se num restaurante, e por isso mesmo chamado La Ermita. A comida é deliciosa, e o atendimento hiper atencioso e simpático. Curioso é o ambiente do restaurante, que possui um retábulo antigo e que conservam pinturas murais de sua época religiosa.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERADepois de comer, dei uma descansada no Parque de Santa Lúcia, situado ao lado das muralhas de Jerez de los Caballeros.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAUm dos filhos mais ilustres da cidade foi o explorador Vasco Nuñez de Balboa (1475/1519). De família nobre, partiu para o continente americano em 1501, sendo considerado o descobridor do Oceano Pacífico. Na cidade, podemos visitar sua casa natal e observar uma estátua em sua homenagem.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAUma fonte histórica é a chamada dos Santos. Do século XVI, é feita de pedra com um formato octogonal, dos quais partem oito canos.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA Praça de Touros de Jerez de los Caballeros fica na saída da cidade, e foi inaugurada em 1862.

OLYMPUS DIGITAL CAMERADentre suas festas mais famosas, o destaque fica por conta da Semana Santa, uma das mais belas de toda a comunidade, tanto por suas imagens históricas como pelas procissões que transcorrem por suas ruas…

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

As Igrejas de Jerez de los Caballeros

Uma das maiores atrações do patrimônio histórico e artístico de Jerez de los Caballeros são, inegavelmente, suas igrejas. Realmente os templos religiosos da cidade impressionam por sua bela decoração exterior, caso da Igreja de San Bartolomé, situada na parte alta da cidade. Foi construída no final do século XV ou no começo do XVI, mas seu aspecto atual se deve às reformas realizadas no século XVIII.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAConsiderada uma das obras mais genuínas do barroco na Extremadura, a Igreja de San Bartolomé foi declarada Bem de Interesse Cultural em 2013. As formas barrocas da fachada se complementam com uma decoração a base de cerâmica de grande qualidade. Foi estruturada como se fosse um autêntico retábulo, sendo que em sua parte inferior vemos colunas salomônicas, típicas do barroco, e pilastras com azulejos representando a São Diego de Alcalá e São Antonio Abad. No segundo corpo, as imagens de São Antonio de Pádua e São Francisco de Assis. No último corpo, foi esculpida uma estátua de São Fernando.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA fachada lateral se apresenta de um modo diferente ao da entrada principal da igreja, graças a que foi levantada sobre uma tribuna, franqueada por uma escada dupla. Elementos neoclássicos e barrocos completam o conjunto.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOutro elemento de destaque é a elegante torre, que foi construída pelo arquiteto Martín Pérez depois que a anterior foi derrubada em 1759, provavelmente devido aos efeitos causados pelo Terremoto de Lisboa quatro anos antes.

OLYMPUS DIGITAL CAMERACom 70m de altura, possui planta quadrada, e seus diferentes níveis vão diminuindo de tamanho na medida em que a torre ganha altura. O primeiro corpo da torre foi erguido com pedra de granito. O segundo foi belamente decorado a base de gesso e barro vidriado.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA outra bela igreja que vamos ver hoje é a Paroquia de Santa María de la Encarnación, situada no bairro de mesmo nome. Este templo é considerado o mais antigo da cidade, pois parece que sua origem se remonta à época visigoda (século VI).

OLYMPUS DIGITAL CAMERAEvidentemente a igreja foi reformada diversas vezes, e as mais importante das reabilitações foram realizadas nos séculos XVI e XVIII.OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAAs formas mais simples e puras da torre desta igreja contrastam com a exuberância decorativa das demais. Uma pena que as igrejas somente abriam em horários de culto, que não coincidiram com minha estadia na cidade. Pude conhecer por dentro apenas a bela Igreja de San Miguel, que veremos no próximo post. Finalizo com uma foto geral da Igreja de Santa María

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

Catedral de Astorga

 A Catedral de Astorga, dedicada a Santa Maria, é a sede episcopal da Diocese de Astorga, uma das mais antigas do país, documentada desde o séc. III com o título de Apostólica.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO atual templo substituiu um anterior românico consagrado em 1069, e provavelmente finalizado no séc. XIII. Poucos sao os datos referentes a esta construçao, e dela nao se conserva nada. A Catedral foi construída a partir do ábside em 1471 no estilo gótico e prosseguiu nos séculos posteriores.  Desta primeira fase, os arquitetos principais foram Juan de Colonia e seu filho, Simon de Colonia.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANo séc. XVI, o famoso arquiteto Rodrigo Gil de Hontañón realizou a portada sul, no estilo renascentista (1551).

OLYMPUS DIGITAL CAMERANesta portada vemos no tímpano a figura de Deus Pai que, com a mao direira realiza a bendiçao e com a esquerda, segura a esfera do mundo. Abaixo, a Virgem da Assunçao coroada por anjos.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA Catedral de Astorga foi afetada pelo terremoto de Lisboa de 1755, bem como durante a Guerra de Independência contra os franceses no séc. XIX, principalmente no claustro. No alto da igreja, vemos a figura de um maragato, que tornou-se um dos símbolos da cidade.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA fachada principal é impressionante, sendo considerada um triunfo do Barroco Leonês. Foi levantada no séc. XVIII, e foi concebida como um grande retábulo feito de pedra pelos arquitetos Francisco e Manuel Alvear, pai e filho.

OLYMPUS DIGITAL CAMERADestacam as tres portadas ricamente esculpidas, limitadas em suas laterais pelas torres, que se unem ao corpo central por meio de elegantes arbotantes.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERAA portada central é mais larga que as laterais, com um rico conjunto iconográfico, inspirado em episódios do Evangelho: Purificaçao do templo, Parábola da mulher adúltera e o Descendimento de Cristo, no centro.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERANo meio da fachada, aparece uma imagem da Virgem Maria, a quem está dedicado o templo. O tímpano triangular representa a Santiago, que recebe os peregrinos que chegam à cidade. No vértice do triângulo, a representaçao mística do cordeiro, custodiado por 4 anjos. Ao lado, duas esculturas dos apóstolos Pedro e Paulo. Abaixo, vemos um detalhe da fachada.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAs duas torres quadradas que se elevam na fachada possuem tonalidades diferentes, e foram rematadas com uma estrutura de ardósia (pizarra). A torre velha foi construída a partir de 1678, e somente foi concluída no séc. XX.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAA torre nova, construída com pedras de tonalidade rosácea, foi erguida em 1692 e finalizada em 1704.

OLYMPUS DIGITAL CAMERANo próximo post, conheceremos o interior da Catedral de Astorga.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA